As 6 melhores biografias para você conhecer nos próximos meses

(5 Estrelas - 1 Votos)

Seleção inclui livros sobre artistas e outras personalidades. Confira a lista completa e boa leitura!

As biografias e autobiografias são ideais para os leitores que querem conhecer profundamente a história de um escritor, de um músico, de personalidades políticas e de outras pessoas de renome na sociedade. Após entrevistas com conhecidos, amigos e parentes, os autores reúnem nestes livros algumas fotos, situações pessoais e fatos da carreira do biografado.

Ao longo dos anos, cada vez mais obras biográficas e autobiográficas têm sido lançadas no mercado literário, entre elas Ninguém pode com Nara Leão, de Tom Cardoso, e Uma terra prometida, de Barack Obama. Que tal conhecer as melhores biografias em 2022? Confira a nossa lista completa e prepare suas leituras para os próximos meses!


Ninguém pode com Nara Leão, de Tom Cardoso

Capixaba, Nara Lofego Leão, a caçula do casal formado pelo advogado dr. Jairo e sua esposa dona Tinoca, tinha um ano, quando estabeleceu-se com a família no Rio de Janeiro. Ofuscada pela eloquência paterna e a exuberância da irmã, Danuza Leão, Nara começou a acumular apelidos e reclusões voluntárias. Mas, a intimidada “Caramujo” e “Jacarezinho do Pântano” surpreenderia o país e o mundo transformando-se numa das mais influentes e produtivas intérpretes da MPB dos agitados anos 1960 aos 1980. Dominava o repertório e os modernos acordes do violão bossa nova, movimento em grande parte gestado no lar liberal dos Leão, frequentado por alguns dos principais artífices das mudanças.


Uma terra prometida, de Barack Obama

Um relato íntimo e fascinante da história em formação – feito pelo líder que nos inspirou a acreditar no poder da democracia. No comovente e aguardado primeiro volume de suas memórias presidenciais, Barack Obama narra, nas próprias palavras, a história de sua odisseia improvável, desde quando era um jovem em busca de sua identidade até se tornar líder da maior democracia do mundo. Com detalhes surpreendentes, ele descreve sua formação política e os momentos marcantes do primeiro mandato de sua presidência histórica – época de turbulências e transformações drásticas. 


Viver é melhor que sonhar – Os últimos caminhos de Belchior, de Chris Fuscaldo e Marcelo Bortoloti

Antônio Carlos Belchior é autor de um dos gestos mais intrigantes da história recente da Música Popular Brasileira. Era um artista respeitado, dono de um repertório do qual qualquer músico poderia se orgulhar, carreira de sucesso, padrão de vida confortável, cercado de amigos, cercado de amores. Com 60 anos recém-completos, deixou tudo isso para trás, rumo a uma jornada incerta e anônima pelo sul do país, que terminaria com a sua morte dez anos depois.


Elza, de Zeca Camargo

O livro Elza narra a história de Elza Soares, da infância pobre ao sucesso, consagrada em discos que marcaram a música brasileira e, mais recentemente, nos ovacionados e premiados A mulher do fim do mundo e Deus é mulher. Com coordenação de conteúdo de Juliano Almeida e Pedro Loureiro, o livro foi construído a partir de muita pesquisa do autor e ao longo de dezenas e dezenas de encontros entre Elza e Zeca no apartamento da cantora, no Rio de Janeiro.


Frida – A biografia, de Hayden Herrera

Todo mundo conhece Frida Kahlo, cuja imagem, de olhar complexo sob sobrancelhas espessas, cabelos negros e roupas coloridas, é quase tão difundida quanto a de Che Guevara. Todo mundo sabe que sofreu um gravíssimo acidente na juventude, que foi casada com o grande muralista Diego Rivera, e que foi amante de Leon Trotsky. Todo mundo sabe que tinha ideias radicais em política e hábitos modernos na vida, que pintava de modo radicalmente pessoal, e que teve uma existência tão tumultuada quanto o século XX em que viveu. O que poucos sabem é que tudo o que quase todo mundo sabe sobre Frida Kahlo está longe de resumir sua vida, ou de revelar a mulher por trás do ícone da arte latino-americana moderna.


Marighella – O guerrilheiro que incendiou o mundo, de Mário Magalhães

A vida de Carlos Marighella (1911-69) foi tão frenética quanto surpreendente. Militante comunista desde a juventude, deputado federal constituinte e fundador do maior grupo armado de oposição à ditadura militar — a Ação Libertadora Nacional —, esse mulato de Salvador era também um profícuo poeta, homem irreverente e brincalhão. Nesta narrativa repleta de revelações, o jornalista Mário Magalhães investiga as várias facetas do biografado. 

Gabriela Mattos

Gabriela é jornalista, editora do Estante Blog e foi repórter em um jornal carioca. Viciada em comprar livros, é apaixonada por literatura contemporânea e jornalismo literário.

One thought on “As 6 melhores biografias para você conhecer nos próximos meses

  • 17.02.2022 em 3:31 pm
    Permalink

    Maringhela é a melhor biografia dessa lista. Me decepcionem muito com a da Elza Soares. Eu incluiria a do Tim Maia, por Nelson Motta

Fechado para comentários.

Hotel Transilvânia: Os livros de cada monstro! Maze Runner: Conheça os livros da saga Conheça os livros de Jô Soares Se você gostou dessas séries, vai gostar desses livros! Clássicos do Horror para conhecer