10 livros para conhecer os maiores detetives do mundo

(5 Estrelas - 1 Votos)

De Hercule Poirot a Espinosa, conheça a nossa seleção com os dez maiores detetives da história da literatura mundial. Boa leitura!

Setembro é um momento especial para os fãs de romance policial. Isso porque o dia 15 desse mês marca o aniversário da escritora britânica Agatha Christie, também conhecida como a Dama do Crime. Ao pensar nos livros publicados pela autora, é impossível não lembrar-se de um personagem específico: o detetive Hercule Poirot.

Assim como Poirot, outros detetives também encantam leitores em diferentes idades e lugares do mundo. Em homenagem aos grandes mistérios da história da literatura, nós selecionamos dez livros que apresentam os maiores detetives do mundo. Confira a lista e escolha o seu favorito!


Arsène Lupin, Ladrão de Casaca, Maurice Leblanc

Brilhante, mestre do disfarce e do jiu-jítsu, Arsène Lupin é um ladrão francês refinado e anarquista que mais parece uma espécie de Robin Hood da Belle Époque. Uma irônica resposta francesa a Sherlock Holmes, o livro de Maurice Leblanc apresenta as primeiras aventuras do anti-herói que atormenta oponentes, zomba das convenções, ridiculariza a burguesia e ajuda os mais fracos.


Assassinato no Expresso do Oriente, Agatha Christie

Ao chegar na Turquia, o detetive Hercule Poirot é convocado para voltar imediatamente à Londres. Poirot, então, embarca às pressas no Expresso do Oriente. No entanto, uma forte nevasca vai mudar a trajetória do trem expresso e, no meio da viagem, um passageiro com muitos inimigos será brutalmente executado. Assim, o detetive belga deverá descobrir qual dos passageiros é o assassino.


Assassinatos da Rua Morgue, Edgar Allan Poe

Esta edição de Assassinatos da Rua Morgue reúne dois contos de Edgar Allan Poe. O primeiro conta a história de um crime que abala Paris: uma velha senhora e sua filha, moradoras da Rua Morgue, são barbaramente assassinadas, sem qualquer motivo aparente. Na segunda história, William Legrand vive numa ilha. Acidentalmente, descobre um escaravelho de ouro e um criptograma, que, decifrado, revelaria a localização de um tesouro enterrado.


Calibre 22, Rubem Fonseca

Calibre 22reúne diferentes narrativas que abordam temas importantes para Rubem Fonseca, como a desigualdade social e suas consequências muitas vezes trágicas, além da violência motivada por racismo, misoginia, homofobia e outros preconceitos. Uma das histórias traz como protagonista detetive Mandrake, contratado para desvendar quem está por trás de uma série de assassinatos envolvendo o editor de uma famosa revista feminina.


Enola Holmes: O caso do marquês desaparecido, Nancy Springer

No livro Enola Holmes: O Caso do Marquês Desaparecido, acompanhamos a viagem de Enola, uma jovem inglesa que segue em busca de pistas que indiquem o paradeiro da mãe, após descobrir no dia do seu aniversário que ela sumiu. Porém, a irmã do detetive Sherlock Holmes não esperava que o caminho para Londres poderia ser marcado por tantas aventuras.


Mr. Mercedes, Stephen King

Em Mr. Mercedes, um homem surge com um carro Mercedes e atropela centenas de trabalhadores em uma fila de empregos, matando oito pessoas e deixando várias delas feridas. Depois de fracassar na resolução do caso, o detetive Bill Hodges vive atormentado até receber a carta de um homem que se autodenomina “O Assassino do Mercedes”. Nesse momento, Hodges desperta da aposentadoria deprimida e decide encontrar o culpado.


Os Homens Que Não Amavam as Mulheres, Stieg Larsson

Em Os Homens que não Amavam as Mulheres, Henrik Vanger está certo de que a sua sobrinha Harriet, que está desaparecida, foi assassinada por um dos membros da família. Enquanto Mikael Blomqvist e Lisbeth Salander investigam o caso, vão descobrindo que a família Vanger é capaz de fazer qualquer coisa para se proteger.


Sherlock Holmes – Um Estudo Em Vermelho, Sir Arthur Conan Doyle

Lançado em formato de livro em 1988, Um Estudo Em Vermelho foi a primeira obra de sucesso de Sherlock Holmes. O livro de Arthur Conan Doyle narra detalhes do primeiro encontro que o detetive tem com o seu fiel amigo, Dr. Watson, para, juntos, resolverem mais um intrigante mistério.


Um Corpo na Biblioteca, Agatha Christie

Um dia, os Bantry acordam e encontram o corpo de uma jovem em sua biblioteca, sem saber como chegou ali. Chocada com os acontecimentos, Mrs. Bantry chama a amiga, Miss Marple, a detetive amadora mais famosa da pequena St. Mary Mead. Marple deve descobrir a identidade da garota e do assassino. Quando outro corpo surge em uma pedreira, cabe a Miss Marple desvendar a conexão entre ambos e solucionar o caso.


Uma Janela Em Copacabana, Luiz Alfredo Garcia-roza

Copacabana, Rio de Janeiro. Dois policiais são executados em curto espaço de tempo. Ambas as vítimas eram tiras de segundo escalão e foram eliminados pelo mesmo homem, um assassino que dispara à queima-roupa sem deixar rastros. Quem estaria disposto a correr o risco de sair matando policiais? Percorrendo as ruas de sua geografia predileta, o delegado Espinosa vai se deparar com outras mortes e com uma mulher enigmática, casada com um figurão da área econômica do governo federal.


Quem é o seu detetive favorito?


Yasmin Lisboa
Comentários

Yasmin Lisboa

Yasmin é jornalista e estudante de Cinema. Cantora e colecionadora de discos e livros, é fascinada pela cultura popular brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *