Por que é importante contar histórias para as crianças?

(5 Estrelas - 1 Votos)

Conheça os benefícios da contação de histórias e aproveite dez histórias infantis para ler junto com os pequenos. Boa leitura!

Você já parou pra pensar que o ato de contar histórias para as crianças pode ser fundamental em seu desenvolvimento? Através dessa prática, os pequenos são estimulados em sua imaginação e criatividade e estabelecem novas formas de expressão e interação com os adultos, fortalecendo vínculos e entendimentos em suas relações com responsáveis e familiares.

Além disso, a contação de histórias cumpre um papel importante na formação das crianças, sobretudo, no que diz respeito aos aspectos da escrita, da oralidade e da percepção dos símbolos. Por esse e outros motivos, é imprescindível que este seja um dos métodos a serem trabalhados nas escolas, especialmente na educação infantil.

Nós selecionamos dez histórias infantis que vão estimular você a ler para os pequenos no dia de hoje. Conheça a lista e boa leitura!


Alice no País das Maravilhas, Lewis Carroll

Em Alice no País das Maravilhas, conhecemos Alice, uma menina que acompanha um coelho branco apressado e sempre de olho no relógio. Com a ajuda do coelho, ela entra em um buraco que a leva ao País das Maravilhas, um local onde já esteve dez anos antes, embora não consiga se lembrar disso. Nesse lugar, ela é recebida pelo Chapeleiro Maluco e passa a lidar com seres fantásticos e com a ira da Rainha de Copas.


Da Minha Janela, Otávio Júnior

No livro Da minha janela, o narrador compartilha detalhes sobre as imagens que vê da janela de sua casa, localizada em uma favela do Rio de Janeiro. Desse lugar, ele observa cores, traços, gestos, objetos, bichos e pessoas cujas vidas podem ser parecidas ou diferentes da sua, mas que certamente têm algo importante a lhe ensinar.


E Foi Assim Que Eu e A Escuridão Ficamos Amigas, Emicida

Uma menininha vive com medo da escuridão. Quando chega a noite, ela se sente preocupada e ansiosa e se pergunta: “afinal, o que o escuro pode esconder?” O que a garota nem imagina é que, do outro lado, a escuridão também é uma menina, cujo maior medo é a claridade e todo tipo de coisa que se revela quando nasce o sol.


Flicts, Ziraldo

Flicts, uma cor rara, frágil e triste, vive em um mundo cheio de cores, mas nenhuma dessas cores é parecida com ela. Sozinha, ela tenta procurar amigos entre as outras colorações, mas segue deslocada do resto do mundo. Um dia, Flicts olhou ao longe e, finalmente, consegue se encontrar.


Histórias de Ninar para Garotas Rebeldes, Elena Favilli e Francesca Cavallo

Histórias de ninar para garotas rebeldes é um livro com 100 histórias sobre a vida de 100 mulheres extraordinárias do passado e do presente, ilustradas por 60 artistas mulheres do mundo inteiro. Escrita por Elena Favilli e Francesca Cavallo, a obra conta em estilo de conto de fadas as trajetórias de mulheres como Frida Kahlo, Elizabeth I, Serena Williams e Maya Gabeira; todas ilustradas por artistas do mundo todo.


Malala, a Menina Que Queria Ir para a Escola, Adriana Carranca

Em Malala, a Menina Que Queria Ir para a Escola, acompanhamos a trajetória de Malala Yousafzai, uma jovem que nasceu no vale do Swat, no Paquistão. Aos 10 anos, Malala viu sua região ser dominada por um grupo extremista chamado Talibã. No novo regime, a menina quase perdeu a vida por querer ir para a escola. Mas Malala não só resistiu como tornou-se a mais jovem ganhadora do prêmio Nobel da paz, além de um grande exemplo para crianças do mundo inteiro.


O Livro dos Sentimentos, Todd Parr

Raiva, medo, ansiedade, alegria. Esses são alguns dos sentimentos tão contraditórios e confusos para as crianças. Às vezes não dá vontade de inventar alguma coisa diferente, como… beijar um leão-marinho? Em O Livro dos Sentimentos, Todd Parr fala sobre os sentimentos e como devemos compartilhá-los com quem a gente ama.


O Meu Pé de Laranja Lima, José Mauro de Vasconcelos

Lançado em 1968, O Meu Pé de Laranja Lima acompanha a trajetória de Zezé, um menino de 6 anos que mora num bairro modesto na zona norte do Rio de Janeiro. Mesmo em meio a dificuldades com a família e castigos corporais aplicados pelo pai e a irmã mais velha, o menino se apega ao mundo e viaja com sua imaginação sem se conformar com as limitações que lhe são impostas.


Pinóquio, Carlo Collodi

Enquanto se transforma de boneco em menino, Pinóquio se depara com as dificuldades das noites longas e frias, precisa enfrentar a autoridade da lei, padece de uma fome terrível e descobre a solidão da condição humana. Fantasia, humor e ironia se combinam neste clássico da literatura, escrito por Carlo Collodi.


Uma canção de urso, Benjamin Chaud

Papai Urso já estava pronto para a sua hibernação, quando se depara com uma abelha que passa a toda velocidade espalhando um bzzzzzz. Sabendo que quem diz abelha diz mel, seu filho, Ursinho, decide segui-la. Papai Urso sente uma corrente de ar onde deveria sentir o quentinho da barriga do Ursinho e passa, então, a se perguntar: “mas onde será que ele se meteu?”


Qual livro da lista você vai ler hoje?


Yasmin Lisboa
Comentários

Yasmin Lisboa

Yasmin é jornalista e estudante de Cinema. Cantora e colecionadora de discos e livros, é fascinada pela cultura popular brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *