Conheça 12 livros esquecidos de grandes autores

(5 Estrelas - 1 Votos)

De José de Alencar a Ernest Hemingway, preparamos uma lista com doze obras esquecidas de grandes autores da literatura mundial

Fernando Pessoa, José de Alencar, George Orwell, Carlos Drummond de Andrade, Ernest Hemingway… Como não amar os livros de grandes autores da literatura mundial? Mas será que nós conhecemos a obra completa de todos esses escritores ou parte de sua contribuição literária permanece quase que secreta para o grande público?

Para fazer você ampliar os conhecimentos a respeito de seus autores favoritos, nós selecionamos doze títulos esquecidos de grandes nomes da literatura que estão disponíveis na Estante Virtual. Conheça a lista!


84 Charing Cross Road, Helene Hanff

84 Charing Cross Road narra a história de Helene, uma autora de Nova York, e Frank Doel, gerente de um livros raros em Londres. Os dois, que começaram a se corresponder por conta dos livros, aos poucos viram florescer uma relação de amizade à distância, cultivada ao longo de duas décadas.


A Destruição de Numância, Miguel de Cervantes

Escrito por Miguel Cervantes, A Destruição de Numância relata o cerco romano à cidade de Numância, na Espanha, no século II a.C. De acordo com o livro, o cerco terminou com o suicídio de toda a população antes que os inimigos conseguissem penetrar nas muralhas da cidade.


Aforismos e Afins, Fernando Pessoa

Aforismos e Afins apresenta aos leitores a face de excelente frasista de Fernando Pessoa. Durante a sua vida, o poeta português cultivou os aforismos e revelou toda a sua sagacidade com as palavras, sendo capaz de de definir algo tão complexo como a filosofia em apenas uma linha: “é a lucidez do intelectual chegando à loucura”.


As Ruínas, Scott Smith

Em As Ruínas, quatro amigos estão de férias nas praias de Cancun. A viagem parece incrível até o grupo conhecer Mathias, um alemão que está hospedado no mesmo hotel que eles. Impressionados com o novo amigo, os quatro decidem unir-se a Mathias na busca por seu irmão, que desapareceu misteriosamente ao tentar encontrar ruínas maias no coração da selva mexicana. Mas essa não será uma ideia muito boa.


Fogo Pálido, Vladimir Nabokov

Fogo Pálido constrói uma análise sobre o poema homônimo de 999 linhas, escrito pelo personagem John Francis Shade pouco antes de morrer. Além de apresentar o poema, traduzindo-o em rima e métrica, a obra transforma poesia em ficção em comentários sobre por Charles Kinbote, um amigo de Shade que também é narrador do romance.


Jovem Guarda Em Ritmo de Aventura, Marcelo Fróes

Jovem Guarda Em Ritmo de Aventura conta a verdadeira história da Jovem Guarda, abordando desde as trajetórias de Wanderléa, Erasmo e Roberto Carlos até as fofocas nos bastidores do movimento. Além disso, o livro de Marcelo Fróes fala sobre os conjuntos instrumentais da época, esclarecendo relações geralmente delicadas entre músicos, mídia e gravadoras no Brasil.


Na Sombra de 1984, George Orwell

Como se já não bastassem os resquícios da Primeira Guerra Mundial, os dezoito anos como vendedor de seguros de vida e o casamento com a melancólica Hilda, a vida de George Bowling se torna ainda pior com a sombra ameaçadora de 1984 agigantando-se à distância.


O Jardim do Éden, Ernest Hemingway

Escrito por Ernest Hemingway, O Jardim do Éden conta a história de um jovem escritor americano e de sua encantadora esposa na Côte d’Azur da década de 20. No romance, conhecemos os perigosos jogos eróticos que o casal começa a praticar quando ambos se apaixonam pela mesma mulher.


O Observador do Escritório, Carlos Drummond de Andrade

Em O Observador do Escritório, Carlos Drummond de Andrade apresenta em forma de diário depoimentos de importantes figuras no país como o político Luiz Carlos Prestes e o poeta Manuel Bandeira.


O Sertanejo, José de Alencar

Publicado em 1875, O Sertanejo conta a história de vida de Arnaldo, um homem que vive no sertão de Quixeramobim, no Ceará. Narrado pelo próprio Alencar, o livro apresenta em prosa a trajetória de personagens característicos do sertão brasileiro.


Tolstói, a biografia, Rosamund Bartlett

Em Tolstói, a biografia, Rosamund Bartlett mergulha em diferentes períodos da vida do escritor de Guerra e Paz e Anna Kariênina. O livro apresenta histórias pouco conhecidas de Tolstói, indo desde a juventude marcada por amores e prejuízos em cassinos à sua a sua participação na educação da Russia e em uma campanha humanitária para combater a miséria causada pela seca na estepe russa.


Tubarão, Peter Benchley

Clássico romance de Peter Benchley, Tubarão narra uma história que acontece em Amity, um balneário ficcional situado em Long Island, Nova York. Um dia, o corpo de uma turista é encontrado na praia e, nesse momento, o chefe de polícia da loca, Martin Brody, vai ordenar o fechamento das praias da região.


E aí, gostou da lista?


Yasmin Lisboa
Comentários

Yasmin Lisboa

Yasmin é jornalista e estudante de Cinema. Cantora e colecionadora de discos e livros, é fascinada pela cultura popular brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *