10 livros para ler com as crianças nas férias

(5 Estrelas - 1 Votos)

Que tal aproveitar esse momento para apresentar novas histórias aos pequenos? Nós preparamos uma seleção especial para você!

A leitura é uma ferramenta de grande importância no desenvolvimento cognitivo, social e afetivo das crianças. Os livros, além de fundamentais na formação dos indivíduos, são excelentes companheiros e nos apresentam universos, dimensões, experiências e personagens memoráveis em histórias que levamos conosco pelo resto de nossas vidas.

Então, que tal aproveitar o período das férias para descobrir novas histórias na companhia dos pequenos? Aqui, nós preparamos uma lista especial para você com dez dos melhores livros infantis lançados em 2020. Confira a seleção e boa leitura!


A água e a águia, Mia Couto

Em um tempo antes do nosso, as águias dominavam os céus e viviam em comunhão com a terra e a água. Mas, um dia, parou de chover e, para evitar uma grande catástrofe, as águias recorreram ao próprio nome para criar água: tiraram o “i” dele. Assim, a água voltou a surgir.


Ah…Nisso Eu Não Tinha Pensado!, Ludovic Souliman

Em uma cidade imensa, barulhenta e com milhões de pessoas fechadas em si mesmas, o que poderia reunir um velho, um grilo sem teto, uma boneca de pano, uma menina órfã, um gigante medroso e uma casa abandonada? Ah…Nisso Eu Não Tinha Pensado! nos mostra que vidas podem ser alteradas, quando tocadas pela solidariedade e pela fraternidade.


Álbum de Família – Aventuras, memorias e efabulações da trupe familiar, Gabriela Romeu

O livro da escritora, jornalista, documentarista e crítica teatral, Gabriela Romeu, nos faz refletir sobre as mais diversas possibilidades existentes de se contar uma história. Com ilustrações de Catarina Bessell e apresentação de Chico César, Álbum de família é uma biografia poética, a biofantasia da trupe familiar “Carroça de Mamulengos”, uma das mais importantes companhias culturais do país.


Da Minha Janela, Otávio Júnior

No livro Da minha janela, o narrador compartilha detalhes sobre as imagens que vê da janela de sua casa, localizada em uma favela do Rio de Janeiro. Desse lugar, ele observa cores, traços, gestos, objetos, bichos e pessoas cujas vidas podem ser parecidas ou diferentes da sua, mas que certamente têm algo importante a lhe ensinar.


E foi assim que eu e a escuridão ficamos amigas, Emicida

Uma menininha vive com medo da escuridão. Quando chega a noite, ela se sente preocupada e ansiosa e se pergunta: “afinal, o que o escuro pode esconder?” O que a garota nem imagina é que, do outro lado, a escuridão também é uma menina, cujo maior medo é a claridade e todo tipo de coisa que se revela quando nasce o sol.


Estranhas Criaturas, Cristóbal León e Cristina Sitja Rubio

“Festa!” Assim anuncia um misterioso cartaz no meio da floresta. Animados, os animais vão ao evento, dançam e comem muito bolo de chocolate. Mas, na volta para os seus lares, eles descobrem que já não podem abrigar-se debaixo das árvores e nem obter alimentos na natureza. O seu habitat teria sido destruído por estranhas criaturas, os homens.


O Colecionador de Chuvas, André Neves

Em uma cidade onde a chuva demora a cair, um menino deseja colecionar gotas de chuva. No dia em que a chuva cai, os moradores do lugar saem às ruas e comemoram junto com o menino. Quando a chuva vai embora, ela deixa ao garotinho lembranças de felicidade e gotas de sonhos que, como a chuva refrescante, trazem esperança e renovam a vida.


O Muro no Meio do Livro, Jon Agee

Em O Muro no Meio do Livro, um pequeno cavaleiro vive confiante de que o muro protege o seu lado bom do livro dos muitos perigos que existem do outro lado: um tigre faminto, um rinoceronte gigante, além do pior de todos, um ogro terrível que seria capaz de comê-lo com uma só mordida. Porém, nem tudo é o que parece ser.


O Pequeno Príncipe Preto, Rodrigo França

Derivado de uma peça infantil que circulou pelo país, Pequeno Príncipe Preto conta a história de um menino que viaja por diversos planetas, dividindo amor e empatia com quem encontra pelo caminho. Em sua trajetória, o garoto tem como sua grande companheira a árvore Baobá. O conto de Rodrigo França apresenta aos leitores uma narrativa que aborda a importância de valorizarmos quem nós somos, bem como de onde viemos com muito carinho e afeto.


Uma canção de urso, Benjamin Chaud

Papai Urso já estava pronto para a sua hibernação, quando se depara com uma abelha que passa a toda velocidade espalhando um bzzzzzz. Sabendo que quem diz abelha diz mel, seu filho, Ursinho, decide segui-la. Papai Urso sente uma corrente de ar onde deveria sentir o quentinho da barriga do Ursinho e passa, então, a se perguntar: “mas onde será que ele se meteu?”


Qual livro da lista você quer ler com os pequenos?


Yasmin Lisboa
Comentários

Yasmin Lisboa

Yasmin é jornalista e estudante de Cinema. Cantora e colecionadora de discos e livros, é fascinada pela cultura popular brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *