Confira 12 livros de editoras independentes com preços imperdíveis

(3 Estrelas - 2 Votos)

Não há nada melhor do que descobrir novas leituras, né? Aproveite o Black Friday para conhecer livros incríveis com ótimos preços!

Ler é vivenciar experiências inesquecíveis em diferentes eras, universos e dimensões. Através das páginas de um livro, somos capazes de reconhecer lugares, contextos, pessoas e sensações que parecem extrapolar as fronteiras do mundo literário, tornando-se físicas e parte integrante de nossas trajetórias.

Que tal aproveitar a Black Friday para definir o destino da sua próxima aventura literária? Aqui, nós preparamos uma seleção especial de livros, com preços imperdíveis, que vão ajudar você a mergulhar no universo das editoras independentes. Confira a lista e boa leitura!


  • Editora 34

Memórias do Subsolo, Fiódor Dostoiévski

Publicado em 1864, Memórias do Subsolo conta a história de um homem amargurado que não vê sentido algum em sua existência. Até que, em um “fluxo de consciência”, surgem nele as duras lembranças de situações e discursos que, numa sociedade hierarquizada, submetem e emparedam os “humilhados e ofendidos”.


  • Cobogó

Memórias da plantação: Episódios de racismo cotidiano, Grada Kilomba

Memórias da Plantação: Episódios de racismo cotidiano reúne uma série de episódios cotidianos de racismo, que abordam desde as políticas de espaço e exclusão às políticas do corpo e do cabelo. No livro, Grada Kilomba
combina teoria pós-colonial, estudos da branquitude e de gênero, psicanálise, feminismo negro e narrativa poética, construindo uma reflexão essencial para as práticas descoloniais.


  • Estação da Liberdade

Eu Sou um Gato, Natsume Soseki

O livro de Natsume Soseki conta a história de um gato que é resgatado de um terreno baldio por Chinno Kushami, um professor mal-humorado e estagnado em sua carreira. Deixando sempre clara a sua superioridade, o gato constrói análises sobre os personagens do livro e, junto com os leitores, busca desvendar o cinismo presente no interior de cada um dos seres humanos.


  • Malê

Carolina, Uma Biografia, Tom Farias

No livro Carolina, Uma Biografia, o jornalista brasileiro Tom Farias compartilha detalhes sobre a vida de Carolina Maria de Jesus, uma das autoras mais importantes na literatura brasileira. A obra aborda passagens da trajetória da autora mineira que vão desde a infância pobre na cidade de Sacramento (MG) ao momento em que ela chega em São Paulo e vai morar na favela do Canindé.


  • Aleph

Duna, Frank Herbert

Em Duna, conhecemos Paul Atreides, um jovem prestes a mudar radicalmente de vida. Depois de receber a visita de uma mulher desconhecida, Paul é obrigado a ir embora de seu planeta natal para viver no árido e severo Arrakis, o Planeta Deserto. Por lá, o rapaz se envolverá em questões políticas e religiosas e, nele, o povo de Arrakis irá depositar a esperança de realização de um plano urdido há séculos.


  • Pallas

O Menino Nito, Sonia Rosa

Nito era um menino que não parava nunca de chorar. Cansado de tanta choradeira, o pai do garoto lhe chamou para conversar e disse a ele o clássico discurso: “Você é um rapazinho, já está na hora de parar de chorar à toa. E tem mais: homem que é homem não chora.” O pai de Nito só não imaginava o efeito que essas palavras teriam na cabeça do menino.


  • Patuá

Domingo no Matadouro, Marcelo Pierotti

Domingo no Matadouro é o livro de estreia do poeta Marcelo Pierotti. Lançada em 2016, a obra foi premiada pelo Programa de Ação Cultural da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo (ProAC) e reúne poemas fortes e contundentes escritos por Pierotti.


  • Pólen

Racismo Estrutural, Silvio Almeida

Em Racismo Estrutural, o professor Silvio Almeida compartilha dados estatísticos a respeito do racismo e estabelece o debate sobre de que maneira ele se apresenta nas estruturas social, política e econômica da sociedade brasileira.


  • Ubu

Jacaré, Não!, Antonio Prata

Em Jacaré, Não!, o cronista Antonio Prata brinca com a ideia de um jacaré surgir em meio a atividades cotidianas, como um simples banho ou a ida à escola. Nos cenários mais inesperados, o curioso animal aparece na vida das crianças, alterando completamente a normalidade da cena anterior.


  • Veneta

Cumbe, Marcelo Dsalete

Cumbe é uma palavra de origem banto que quer dizer Sol, mas também é sinônimo de quilombo. A história em quadrinhos de Marcelo Dsalete acompanha a trajetória de negros escravizados que se articulam em uma luta de resistência contra a opressão escravagista.


  • Boitempo

O Homem sem Talento, Yoshiharu Tsuge

Publicado em 1985, O Homem Sem Talento conta a história de um autor de mangá que se recusa a trabalhar de acordo com as pressões da indústria editorial. Aos poucos, o homem vai direcionando a sua vida em um estranho culto ao fracasso e, por mais que sua esposa tente motivá-lo, o “homem sem talento” se distancia cada vez mais de uma sociedade que parece não lhe interessar mais.


  • Todavia

Torto Arado, Itamar Vieira Junior

Em Torto Arado, acompanhamos a trajetória de Bibiana e Belonísia, duas irmãs que vivem no sertão baiano. Um dia, elas encontram uma faca na mala guardada sob a cama de sua avó e acontece, então, um acidente. A partir daquele momento, as vidas das duas estarão para sempre ligadas e uma será a voz da outra quando isso for necessário.


Qual livro será a sua próxima leitura?


Yasmin Lisboa
Comentários

Yasmin Lisboa

Yasmin é jornalista e estudante de Cinema. Cantora e colecionadora de discos e livros, é fascinada pela cultura popular brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *