“A Droga da Obediência” é o livro mais vendido em março na Estante Virtual

(5 Estrelas - 1 Votos)

Clássico da literatura infantil, livro de Pedro Bandeira lidera a lista dos mais vendidos do site no mês de março. Veja os outros títulos!

Na Estante Virtual, o mês de março foi marcado por grandes leituras e reencontros com clássicos da literatura. O livro infantil “A Droga da Obediência”, do escritor brasileiro Pedro Bandeira, foi o mais procurado pelos leitores no meu site durante os últimos trinta dias.

Outras obras importantes na literatura mundial como “Quarto de Despejo – Diário de uma Favelada”, de Carolina Maria de Jesus e “A Revolução dos Bichos”, de George Orwell, também estiveram entre as preferidas dos leitores neste mês e aparecem na lista do livros mais vendidos no meu site em março. Conheça os dez títulos mais vendidos e escolha o seu favorito!


A Droga da Obediência, Pedro Bandeira

Em A Droga da Obediência, cinco estudantes conhecidos como “os Karas” enfrentam um crime diabólico. O sinistro Doutor Q.I. pretende comandar a humanidade a partir da aplicação de uma perigosa droga que já está sendo experimentada por alunos dos melhores colégios de São Paulo. Este é um trabalho para os Karas: o avesso dos coroas, o contrário dos caretas.


A Ilha Perdida, Maria José Dupré

Considerado um clássico da literatura juvenil brasileira, A Ilha Perdida acompanha as aventuras de Eduardo e Henrique, dois garotos que estão de férias na casa do padrinho e resolvem explorar uma ilha que fica próxima do local. Em sua trajetória, porém, os meninos vão descobrir que o lugar é habitado por um estranho eremita.


Quarto de Despejo – Diário de uma Favelada, Carolina Maria de Jesus

Quarto de Despejo – Diário de uma Favelada é o diário de Carolina Maria de Jesus. Moradora da comunidade do Canindé, em São Paulo, e mãe de três filhos, Carolina registra a sua rotina como catadora de papel e revela aos leitores um sensível e contundente relato da dura realidade vivida na periferia da capital paulista.


A Revolução dos Bichos, George Orwell

Escrito na Segunda Guerra Mundial, A Revolução dos Bichos constrói uma sátira feroz à ditadura stalinista com referências à figura de Stalin, Trotsky e de eventos políticos, mimetizando o que de fato ocorria na União Soviética. Para compor uma representação da humanidade da época, George Orwell recorreu aos animais como personagens de uma realidade dura e cruel, que animalizava os homens.


Vidas Secas, Graciliano Ramos

Publicado em 1938, Vidas secas acompanha a vida da família de Fabiano e Sinha Vitória, seus dois filhos do casal e a cachorrinha Baleia enquanto fogem do sertão em busca de oportunidades. No livro, o que impulsiona os personagens é a seca, áspera e cruel, e paradoxalmente a ligação afetiva, que expõe naqueles seres em retirada, à procura de meios de sobrevivência e de um futuro melhor.


O Pequeno Príncipe, Antoine de Saint-Exupery

Publicado em 1943, O Pequeno Príncipe narra a história de um príncipe que faz amizade com um piloto que sofreu um acidente no meio do deserto. Com ilustrações em aquarela feita pelo próprio autor, o livro aborda temas universais como o amor, a amizade e o sentido da vida. A obra já foi traduzida em mais de 250 idiomas e tornou-se um dos maiores sucessos de todos os tempos, sendo o livro francês mais lido no mundo.


Dom Quixote, Miguel de Cervantes

No clássico Dom Quixote, Miguel de Cervantes conta história de um senhor rural que gostava de ler livros sobre cavalaria e, acreditando na veracidade das aventuras descritas, decidiu tornar-se um cavaleiro andante. Suas viagens, então, sucedem-se sob a alucinação de que estava vivendo na era da cavalaria.


Os Miseráveis, Victor Hugo

Considerado um clássico da literatura mundial, Os Miseráveis acompanha a emocionante história de Jean Valjean, um pobre homem que, depois de roubar um pão, é condenado a dezenove anos de prisão. O livro de Victor Hugo reúne política e religião em uma narrativa envolvente e crítica aos diferentes tipos de injustiça que acontecem no mundo.


Extraordinário, R. J. Palacio

Em Extraordinário, conhecemos a história de Auggie, um menino que nasceu com uma deformidade facial e, aos 10 anos, vai precisar frequentar a escola pela primeira vez. Nessa nova experiência, o menino tentará vencer seus medos e se integrar em um mundo completamente novo. Mas a sua presença deve gerar as mais diferentes reações, algumas boas, outras nem tanto — todas profundamente transformadoras.


Dom Casmurro, Machado de Assis

Conhecido por levantar uma das maiores polêmicas da literatura brasileira, Dom Casmurro trata da trajetória de Bento Santiago, a partir das lembranças de sua infância na Rua de Matacavalos e da história de amor e desventuras que viveu com Capitu. Ao longo da narrativa, Bentinho revela-se um homem perturbado pelo ciúme diante da possibilidade de adultério da mulher com “olhos de ressaca” e o colega Escobar.


Qual livro da lista é o seu favorito?


Yasmin Lisboa

Yasmin é jornalista e estudante de Cinema. Cantora e colecionadora de discos e livros, é fascinada pela cultura popular brasileira.

Maze Runner: Conheça os livros da saga Conheça os livros de Jô Soares Se você gostou dessas séries, vai gostar desses livros! Clássicos do Horror para conhecer Os melhores romances para ler nos próximos meses