[Entrevista] Estante Geek em ação: Seja bem-vindo, Jovem Nerd!

(5 Estrelas - 1 Votos)

Uma das maiores plataformas multimídia do público geek e nerd foi adquirida pelo Magalu neste mês. Confira a entrevista completa!

Boa notícia para os fãs do mundo geek e nerd: o Magazine Luiza adquiriu o Jovem Nerd, uma das maiores plataformas multimídia do público geek e nerd, neste mês. Criado há 19 anos por Alexandre Ottoni e Deive Pazos, o Jovem Nerd reúne conteúdos sobre diferentes temas, desde ciência, tecnologia e games, até HQs, cinema e história.

Entre seus principais programas estão o Nerdologia, NerdBunker e o NerdCast, no ar há 15 anos, pioneiro na produção de podcasts no Brasil e um dos líderes de audiência no país e no mundo. Para comemorar a chegada do Jovem Nerd no Magalu, entrevistamos Deive Pazos (Azhagal). No bate-papo, ele revelou alguns projetos que virão no futuro e reforçou a importância dessa união com o Magalu. Confira a nossa entrevista completa e os livros indicados por Deive!


  1. Qual a importância da aquisição do Jovem Nerd pelo Magalu?

Deive: É muito legal poder juntar forças com o Magalu, no sentido de a gente acabar se complementando. O Magalu é uma potência de vendas e de tecnologia, e nós, do Jovem Nerd, temos muito a parte criativa. A ideia é juntar justamente isso: o nosso poder de criação, as nossas propriedades intelectuais, os nossos conteúdos na rede do Magalu, no networking que o Magalu tem e escalonar as possibilidades. É aquela soma que 1 + 1 é igual a 5 e não é igual a 2.

A gente vê que juntando esses dois fatores, essas duas empresas que se complementam. O alcance que a gente pode ter é enorme, não só em resultados para o Magalu, em termos de varejo, mas em novas verticais, como a produção de conteúdo, inteligência de negócios, publicidade direcionada para um público mais diferenciado. Talvez até trazer para dentro da plataforma do Super App uma audiência que não seria a recorrente no site deles. A gente só vê vantagens.

2. Vocês já tinham uma relação com o Magalu antes?

Deive: Sim, a gente já conhecia o Magalu há um tempo, já trabalhamos com eles algumas vezes. Tenho vários amigos dentro da empresa que fiz com o tempo.

A gente está muito animado de poder fazer parte de mais perto e de estar integrado com esse ecossistema.”

3. Como será essa integração na prática, no dia a dia?

Deive: Na prática, o que a gente espera em um primeiro momento é ficar livre da parte burocrática, é o que a gente não sabe fazer. A gente gosta e sabe fazer conteúdo, sabe de criar histórias, de criar produtos e conteúdos. É nisso que a gente vai focar. Em um primeiro momento, a gente vai entregar essas funções mais administrativas para o pessoal do Magalu e a gente vai focar 100% em conteúdo. Nesse ano mesmo, a gente vai lançar um novo podcast.

Nesta sexta-feira (23), o episódio piloto vai estar no ar, em que as pessoas vão poder votar no nome do programa. A gente tem o programa NerdCast RPG, que costumava lançar um por ano e agora vai lançar três. No Youtube, a gente tem um programa de Gameplay, que acontece uma vez por semana, sempre às segundas-feiras. A partir de muito em breve, a gente vai lançar duas vezes por semana. Essas são algumas das primeiras mudanças, os primeiros reflexos dessa parceria.

Ao longo do tempo, a gente vai criar muito mais coisas. A gente quer criar jogos de videogame, quer conversar sobre isso. A gente quer levar as propriedades intelectuais para outras mídias, transformar em séries, filmes, jogos. Elas já são livros, mas continuar com esse segmento também. Então, ainda tem muita coisa para acontecer e com a Estante Virtual inclusa, já que uma das vertentes que a gente atua é a literatura. A gente tem alguns livros lançados ao longo desses anos.

O que a gente pode esperar daqui para frente é mais foco, 100% da nossa energia na produção de conteúdo e na expansão das nossas propriedades intelectuais, não só no Brasil, mas para o mundo.”

4. Entre os conteúdos que vocês produzem no Jovem Nerd, há a parte de HQs e livros. Como é feita a curadoria dos livros para esse tipo de conteúdo?

Deive: Todos os nossos conteúdos de livros e de HQs surgem derivados dessas propriedades intelectuais. A gente começou lançando os livros do Protocolo Bluhand, que são manuais contra catástrofes improváveis, como alienígenas e zumbis. Além disso, a gente tem o livro Ozob – Protocolo Molotov, que conta a história anterior ao NerdCast RPG, onde o Ozob foi conhecido pelo público. É uma história de origem, um livro muito legal, conta a história desse pós-humano.

Nós temos os quadrinhos. Independência ou mortos, que é uma história de zumbis, mas no Brasil colonial. Se Dom Pedro I chegasse no Brasil e trouxesse uma praga zumbi nas caravelas, o que aconteceria? Essa é uma história completamente original, não veio do NerdCast RPG. Na verdade, todas as histórias são originais, mas essa não veio de um produto nosso, ela nasceu de um brainstorming de pessoas que participaram da execução dessa obra.

Fizemos financiamento coletivo, e inclusive batemos o recorde de maior financiamento coletivo da América Latina: tivemos uma arrecadação de R$ 8,5 milhões, com praticamente 20 mil apoiadores. O objetivo primordial dele era lançar livros e HQs.

5. Vocês já conheciam a Estante Virtual? Já compraram no nosso site?

Deive: Eu conheço a Estante Virtual há muitos anos. Eu sempre gostei de ir em sebos. Gostava de ir a sebos e “tocar a história com a mão”. A lembrança que eu tenho dessa época da Estante Virtual é que juntou, catalogou e facilitou de a gente encontrar os livros de livrarias e sebos, em uma época que não se falava de marketplace. É uma empresa muito legal, que presta um serviço muito importante. Me lembro de procurar livros lá. Não precisava ficar ligando de sebo em sebo.


Os pilares da Terra, de Ken Follett

A obra retrata a construção de uma catedral gótica na Inglaterra do século XII, traçando um panorama de um tempo marcado por conspirações, intrincados jogos de poder, violência e o surgimento de uma nova ordem social e cultural.


Matéria escura, de Blake Crouch

Raptado por um homem mascarado, Jason é levado para uma usina abandonada e deixado inconsciente. Quando acorda, um estranho sorri para ele, dizendo: “Bem-vindo de volta, amigo.” Neste novo mundo, Jason leva outra vida. Sua esposa não é sua esposa, seu filho nunca nasceu e, em vez de professor numa universidade mediana, ele é um gênio da física quântica que conseguiu um feito inimaginável. Algo impossível. Será que é este seu mundo, e o outro é apenas um sonho? E, se esta não for a vida que ele sempre levou, como voltar para sua família e tudo que ele conhece por realidade? Com ritmo veloz e muita ação, Matéria escura nos leva a um universo muito maior do que imaginamos, ao mesmo tempo em que comove ao colocar em primeiro plano o amor pela família.


As primeiras quinze vidas de Harry August, de Claire North

Por que os homens normais, quando a morte chega, não regressam novamente ao dia em que nasceram, para voltarem a viver a mesma vida mas mantendo todo o conhecimento das vidas anteriores? Harry já sabe que quando morrer tudo voltará ao início. Mas se este acumular de experiências e conhecimento podem fazer dele um quase semideus, algo continua a atormentar Harry: qual a origem do seu dom e será que há mais pessoas como ele?


Fundação, de Isaac Asimov

Trilogia da Fundação conta a história da humanidade em um ponto distante no futuro. Nesse lugar, o visionário cientista Hari Seldon prevê a destruição total do império humano e de todo o conhecimento acumulado por milênios. Incapaz de impedir a tragédia, ele arquiteta um plano ousado: se tudo correr como o planejado, Seldon poderá reconstruir a glória dos homens.


Duna, de Frank Herbert

Em Duna, conhecemos Paul Atreides, um jovem prestes a mudar radicalmente de vida. Depois de receber a visita de uma mulher desconhecida, Paul é obrigado a ir embora de seu planeta natal para viver no árido e severo Arrakis, o Planeta Deserto. Por lá, o rapaz se envolverá em questões políticas e religiosas e, nele, o povo de Arrakis irá depositar a esperança de realização de um plano urdido há séculos.


Santo Guerreiro – Roma Invicta, de Eduardo Spohr

Santo guerreiro: Roma invictafala sobre a vida de Gergios, o soldado romano eternizado e admirado em todo o planeta como São Jorge. Filho de Laios Graco, alto oficial da cavalaria, Georgios perde o pai e foge para a capital com o objetivo de se apresentar ao imperador Diocleciano, antigo companheiro de Laios. Além de desejar ser aceito no exército e tornar-se soldado, o jovem quer recuperar as suas posses e vingar a família.


Você já conhecia o Jovem Nerd? Comente e participe!


Gabriela Mattos
Comentários

Gabriela Mattos

Gabriela é jornalista, editora do Estante Blog e foi repórter em um jornal carioca. Viciada em comprar livros, é apaixonada por literatura contemporânea e jornalismo literário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *