Quais são os cursos superiores mais procurados em 2020?

(0 Estrelas - 0 Votos)

Selecionamos algumas dicas para aqueles estudantes que estão prestes a fazer vestibular neste ano. Confira!

O ano letivo de 2020 pode ser decisivo para os estudantes que farão vestibular. É comum que os alunos passem por momentos de dúvida e incerteza na hora de escolher qual carreira vai seguir na universidade: área de Humanas ou Exatas? Ou cursos de Biomédicas? Para ajudar você, selecionamos dicas sobre o assunto, como uma lista com os cinco cursos superiores mais procurados em São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

  • Administração: Mais de 800 mil estudantes estão inscritos no curso de Administração no país. Nesta área, os jovens terão uma abrangência tanto de conhecimento quanto de formação profissional. O curso, que dura quatro anos, reúne diferentes disciplinas, como antropologia, psicologia social, ética, estatística, matemática financeira e contabilidade.
  • Direito: É ideal para quem é da área de Humanas. Com duração de cinco anos, o curso dá a oportunidade de os alunos atuarem em diversas frentes, como em Direito Penal e Direito de Família. Os jovens estudam disciplinas como sociologia, economia, português e teoria do Estado.
  • Pedagogia: O curso de Pedagogia prepara os universitários para trabalhar tanto como professor quanto como diretor de escolas. Os pedagogos são ainda os responsáveis por supervisionar o sistema de ensino de cada colégio. No curso universitário, que dura quatro anos, os alunos estudam disciplinas como didática, filosofia, psicopedagogia, políticas educacionais e Libras.
  • Medicina: Com seis anos de duração, sem contar o período de residência, o curso de Medicina é um dos mais concorridos dos vestibulares. Nos dois primeiros anos, os alunos passam por um ciclo básico com matérias teóricas. Depois, iniciam o período clínico, quando aplicam os conceitos aprendidos anteriormente.
  • Educação Física: Esta área é ideal para quem é fã de esportes, qualidade de vida e saúde. Os estudantes podem optar tanto pela licenciatura, caso queiram tornar-se professores, quanto pelo bacharelado, para trabalhar em academias e clubes. Nos dois casos, o tempo de duração é de quatro anos.

Quais os cursos que mais empregam?

Uma das principais dúvidas dos estudantes na hora de escolher o curso é em relação ao mercado de trabalho de determinada área. De acordo com um levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de 2018, as profissões que mais empregaram no Brasil foram: Analista de desenvolvimento de sistemas, enfermeiro, farmacêutico, administrador, analista de recursos humanos e contador.

Quais são os cursos melhores e mais rápidos?

As graduações no Brasil costumam ter uma duração de quatro a seis anos. Mas, para quem quer otimizar o tempo com boa qualidade de estudo, pode optar por tecnólogos, que levam, em média, dois anos. Vale destacar que esse tipo de curso tem a mesma validade que uma graduação, a diferença está apenas no currículo, na carga horária e no foco.

Quem optar por tecnólogos encontrará uma ênfase em atividades práticas do curso escolhido, de acordo com as demandas do mercado de trabalho. Segundo o MEC, atualmente, há mais de um milhão de estudantes matriculados em tecnólogos no Brasil.

Há tecnólogos em diferentes setores, como em ambiente e saúde, com os cursos de gestão e saneamento ambiental; em gestão e negócios, com comércio exterior, gestão de recursos humanos e marketing; hospitalidade e lazer, com eventos, gestão de turismo e hotelaria; infraestrutura, com transporte aéreo e gestão portuária; e produção cultural, com fotografia, design e conservação e restauro.


O que você achou das nossas dicas? Comente e participe!

Gabriela Mattos

Gabriela é jornalista, editora do Estante Blog e foi repórter em um jornal carioca. Viciada em comprar livros, é apaixonada por literatura contemporânea e jornalismo literário.

Maze Runner: Conheça os livros da saga Conheça os livros de Jô Soares Se você gostou dessas séries, vai gostar desses livros! Clássicos do Horror para conhecer Os melhores romances para ler nos próximos meses