Os 50 anos de carreira de Ruth Rocha

(3.3 Estrelas - 3 Votos)

Nascida em 2 de março de 1931, a autora é conhecida por seus livros infantis. Veja a lista com algumas de suas principais obras!

Ao falarmos de livros infantis, é quase impossível não citarmos as obras da escritora Ruth Rocha. Nascida em 2 de março de 1931, na cidade de São Paulo, a escritora completa 50 anos de carreira em 2019 e tem um extenso legado de títulos voltados para crianças. Antes de entrar no meio da literatura, ela se formou em Ciências Políticas e Sociais pela Escola de Sociologia e Política de São Paulo, trabalhou na biblioteca do Colégio Rio Branco, onde foi orientadora educacional.

Seu maior best-seller é Marcelo, marmelo, martelo, que vendeu mais de um milhão de exemplares no país. Em 1988, Ruth Rocha escreveu Declaração universal dos direitos humanos para criançasi, ao lado de Otávio Roth. Ao todo, a autora já publicou mais de 200 livros, que foram traduzidos em 25 idiomas.

Leitura, antes de mais nada, é estímulo, exemplo.”

Durante a carreira, também conquistou prêmios: o Jabuti, em 1990, e o ABL de Literatura Infantojuvenil, em 2001. Atualmente, é integrante da Academia Paulista de Letras. Que tal conhecer os livros de Ruth Rocha? Confira a nossa seleção completa e boa leitura!


Marcelo, marmelo, martelo

Um dos principais livros da literatura infantil, Marcelo, marmelo, martelo mostra situações reais do cotidiano de um jeito que procura ser simples e de modo colorido. Os personagens dos três contos que compõem este livro são crianças que vivem no espaço urbano. Elas resolvem seus impasses com muita esperteza e vivacidade; Marcelo cria palavras novas, Teresinha e Gabriela descobrem a identidade na diferença e Carlos Alberto compreende a importância da amizade.


Fábulas de esopo

Quem não gosta de uma boa história? Não é à toa que o costume de sentar juntinho e se deixar levar pela voz de um contador faz parte da cultura de todos os povos. Assim são os “recontos” que Ruth Rocha apresenta nesta série: um verdadeiro tesouro da tradição popular de várias partes do mundo. São histórias saborosas e bem contadas, que divertem, ensinam e fazem a imaginação voar.


Almanaque Ruth Rocha

Este livro reúne histórias, brincadeiras, charadas, provérbios, adivinhas, piadas e mil outras coisinhas para você passar horas lendo e se divertindo.


Ruth Rocha conta a Odisséia

Ruth Rocha apresenta a Odisséia, mantendo-se fiel ao clássico grego e, simultaneamente, imprime ao texto um tom pessoal. Tal como a ‘Ilíada’, a ‘Odisséia’ é atribuída a Homero, poeta que não sabe se existiu de fato. O tema é a volta de Ulisses à sua terra natal, Ítaca, depois de ter participado da guerra de Tróia. O nome ‘Odisséia’ deriva do nome grego de Ulisses – Odisseu. Durante sua longa viagem de retorno, o herói vive aventuras extraordinárias. Os leitores também vão conhecer Penélope, a mulher de Ulisses. Com esta versão, Ruth Rocha introduz os leitores jovens a uma obra que está na origem da literatura ocidental.


A decisão do campeonato

Catapimba é um garoto legal. Amigo da turma toda, centroavante e secretário do Estrela- D Alva Futebol Clube, com ele o tempo só esquenta quando o Armandinho não apita o jogo direito. Nos livros desta série, cada história é uma aventura, sempre contada daquele jeito gostoso, característico de Ruth Rocha! Em A decisão do campeonato, você vai conhecer Catapimba e sua turma, os craques do campinho pegado à casa do seu Manoel.


Quem manda na minha boca sou eu

Um reizinho muito autoritário, de tanto mandar todo mundo calar a boca, deixa o reino mudo. Numa outra história, Marcelo apronta uma confusão porque não se conforma com os nomes das coisas. Já Catapimba consegue dar o troco no vendedor da cantina da escola, provando que bala e dinheiro não são a mesma coisas. Nas 23 histórias e poemas de Ruth Rocha reunidos neste livro, você vai descobrir que tudo é assunto para criança, desde que a história seja bem contada.


Eugênio, o gênio

De que vale ser um burro genial se o tipo não consegue ser um burro legal? Eugênio era um gênio, mas vivia empacado, fazia muita onda, era muito mimado! Mas o mundo gira, a vida não pode parar. E o nosso amigo Eugênio terá de desempacar.


O livro do lápis, com Otávio Roth

O livro do lápis acompanha a evolução deste importante instrumento de escrita, desde as formas rudimentares, como carvão e os ossos carbonizados até nossas modernas canetas hidrográficas e esferográficas.


Você já leu algum livro da escritora Ruth Rocha?


Gabriela Mattos
Comentários

Gabriela Mattos

Gabriela é jornalista, editora do Estante Blog e foi repórter em um jornal carioca. Viciada em comprar livros, é apaixonada por literatura contemporânea e jornalismo literário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *