Dia do Leitor: Veja livros para cada personalidade

(0 Estrelas - 0 Votos)

Nada como comemorar a data com uma boa leitura. Confira a nossa lista!

Você sabia que 7 de janeiro é uma data especial para os amantes do mundo literário? É o Dia do Leitor! Os livros são os nossos melhores amigos, é (quase) impossível ficar sem ler por muito tempo ou sair de casa sem um exemplar na bolsa. Por isso, nada melhor do que comemorar a data lendo uma obra inesquecível.

Com uma boa leitura, ultrapassamos fronteiras, viajamos para diferentes lugares, amadurecemos, sonhamos, planejamos o futuro, estudamos uma nova disciplina, adquirimos mais conhecimento e até conseguimos organizar nossa vida financeira.

LEIA MAIS: Qual livro você vai reler neste ano?

Para celebrar o Dia do Leitor, selecionamos 12 livros que se encaixam de acordo com a sua personalidade, desde os divertidos e os criativos até os sábios e o público young adult. Veja a nossa lista e boa leitura!


  • Para os leitores vorazes

Os miseráveis, de Victor Hugo

Nada como um bom clássico para os leitores vorazes. Um dos principais livros da literatura mundial, Os miseráveis narra a emocionante história de Jean Valjean. Por ter roubado um pão, ele é condenado a 19 anos de prisão. Um livro inquietantemente religioso e político; um romance social marcado por uma vasta análise de costumes da França do século XIX.Os miseráveis, de Victor Hugo


  • Para os criativos

Roube como um artista – 10 dicas sobre criatividade, de Austin Kleon

Verdadeiro manifesto ilustrado de como ser criativo na era digital, Roube como um artista mostra que não é preciso ser um gênio para ser criativo, basta ser autêntico. Baseado numa palestra feita pelo designer Austin Kleon, na Universidade do Estado de Nova York, o livro coloca os leitores em contato direto com seu lado criativo e artístico e é um verdadeiro manual para o sucesso no século XXI.

Roube como um artista


  • Para as mães

Bela maternidade – Meu jeito simples e natural de ser mãe, de Bela Gil

Quando uma mulher resolve ter um filho ou se descobre grávida, encara uma série de decisões e dúvidas. O que comer antes, durante e depois da gestação? Como construir uma rede de apoio? Quais valores transmitir para essa criança? Bela Gil conta sua experiência como mãe da Flor e do Nino, começando pela decisão de ter um filho até a fase da introdução alimentar, passando por gravidez, parto, amamentação e cuidados com o bebê e consigo mesma. Bela maternidade, de Bela Gil


  • Para os aventureiros

Livre – A jornada de uma mulher em busca do recomeço, de Cheryl Strayed

Aos 22 anos, Cheryl Strayed achou que tivesse perdido tudo. Após a repentina morte da mãe, a família se distanciou e seu casamento desmoronou. Quatro anos depois, sem nada a perder, tomou a decisão mais impulsiva da vida: caminhar sozinha cerca de 1.770 quilômetros pela costa oeste dos Estados Unidos. O relato de Cheryl captura a agonia, tanto física quanto mental, de sua incrível jornada; como a enlouqueceu e assustou e, principalmente, como a fortaleceu. Livre, de Cheryl Strayed


  • Para os divertidos

Cadê você, Bernadette?, de Maria Semple

Neste livro, Maria Semple narra a história de Bernadette Fox. Aos olhos de seu marido, guru tecnológico da Microsoft e rock star do mundo nerd, ela se torna mais maníaca a cada dia. Para as demais mães da Galer Street, escola liberal frequentada pela elite de Seattle, ela só causa desgosto. Até que Bernadette desaparece do mapa. 

Cadê você Bernadette?


  • Para os sábios

Judas, de Amós Oz

Nada melhor do que um livro de Amós Oz para as pessoas sábias. Em Judas, o escritor retrata o mundo do jovem Samuel Ash, que está prestes a entrar em colapso. A namorada o abandona, os pais declaram falência e ele se vê obrigado a procurar trabalho, abandonando os estudos na universidade e interrompendo a sua tese de doutorado. Neste momento de desespero, Samuel encontra refúgio e emprego numa antiga casa de pedra em Jerusalém.

Judas, de Amós Oz


  • Para young adult

Com amor, Simon, de Becky Albertalli

Neste livro, sucesso entre os young adults, Becky Albertalli conta a história de Simon Spier, de 16 anos, que é gay, mas não conversa sobre isso com ninguém. Ele não vê problemas em sua orientação sexual, mas rejeita a ideia de ter que ficar dando explicação para as pessoas. Enquanto troca e-mails com um garoto misterioso que se identifica como Blue, Simon vai ter que enfrentar, além de suas dúvidas e inseguranças, uma chantagem inesperada.

Com amor, Simon


  • Para as pessoas “fora do padrão”

Seja foda!, de Caio Carneiro

Com este livro, você vai aprender comportamentos e atitudes necessários para conquistar, em todos os aspectos da sua vida, resultados incríveis. Por meio desta obra, o escritor Caio Carneiro inspira você não só a ter o espírito elevado e sonhar com coisas inimagináveis, mas também a se tornar consciente do que precisa fazer para realizar cada um desses sonhos. Seja foda, de Caio Carneiro


  • Para os românticos

Como eu era antes de você, de Jojo Moyes

Como eu era antes de você conta a história de Louisa Clark, de 26 anos, que não tem muitas ambições. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora do tetraplégico Will Traynor, de 35 anos. Ele é inteligente, rico e mal-humorado. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. Como eu era antes de você, de Jojo Moyes


  • Para os influenciadores

Como organizar sua vida financeira, de Gustavo Cerbasi

Este é um dos principais livros de economia. Em Como organizar sua vida financeira, de Gustavo Cerbasi, ajuda o leitor a ter maior consciência sobre suas escolhas financeiras, incluindo sua rotina de gastos básicos e gastos eventuais, seu uso do crédito, seus investimentos e escolhas de bem-estar e segurança.Como organizar sua vida financeira, de Gustavo Cerbasi


  • Para os sonhadores

Pollyana, de Eleanor H. Porter

Clássico da literatura infantil, Pollyana é ideal para aquelas pessoas sonhadoras. Órfã de pai e mãe, a menina de 11 anos é acolhida pela tia Polly, sua única parente viva. Rica e intransigente, a tia é desprovida de compreensão e afetividade, e recebe a menina em sua casa como um dever. Pollyanna, por sua vez, é uma menina encantadora, que a todos conquista com sua paixão pela vida e pelas pessoas, seu otimismo, sua alegria de viver.Pollyana, de Eleanor K. Porter


  • Para os “populares”

A vida não me assusta, de Maya Angelou

A vida não me assusta, de Maya Angelou, reúne ilustrações do artista Jean-Michel Basquiat. Você tem medo de quê? Cachorros bravos, cobras, sapos, dragões soltando fogo? Este é um pequeno livro de arte para crianças valentes, que enfrentam fantasmas e meninos brigões da escola com a cabeça erguida. É até difícil não se apaixonar por este livro.

A vida não me assusta, de Maya Angelou


Qual livro você incluiria na lista? Comente e participe!

Gabriela Mattos

Gabriela é jornalista, editora do Estante Blog e foi repórter em um jornal carioca. Viciada em comprar livros, é apaixonada por literatura contemporânea e jornalismo literário.

Maze Runner: Conheça os livros da saga Conheça os livros de Jô Soares Se você gostou dessas séries, vai gostar desses livros! Clássicos do Horror para conhecer Os melhores romances para ler nos próximos meses