Fique por dentro dos melhores livros de ficção científica

(5 Estrelas - 1 Votos)

Que tal escolher a sua próxima aventura literária? Veja a seleção com doze obras essenciais da ficção científica mundial!

A ficção científica é um dos gêneros mais amados da literatura e conquista leitores de diferentes partes do mundo com os seus universos científicos, viagens espaciais e personagens incríveis. Afinal, quem nunca se surpreendeu com a realidade criada por “1984”? Ou deliciou-se com as aventuras fantásticas de Arthur Dent, o mochileiro das galáxias?

Aqui, nós reunimos para você doze dos melhores livros de ficção científica de todos os tempos. Confira a lista e escolha a sua próxima aventura!


1984, George Orwell

Um dos romances mais influentes do século XX, o livro de George Orwell narra a trajetória de Winston. O herói da narrativa encontra-se preso à engrenagem totalitária de uma sociedade controlada pelo Estado. Nesse lugar, as ações são compartilhadas coletivamente, mas cada pessoa vive sozinha. No entanto, todos são reféns da vigilância do Grande Irmão, um poder cínico e cruel ao infinito.


2001: uma Odisseia no Espaço, Arthur C. Clarke

Quando a fome e os predadores ameaçavam a espécie humana de extinção, um objeto impossível chegou para prenunciar o caminho da evolução. Milhões de anos depois, a descoberta de um enigmático monolito soterrado na Lua deixa os cientistas perplexos. Para investigar esse mistério, a Terra envia para o espaço uma nave tripulada por uma equipe altamente treinada, assistida por um computador autoconsciente.


Admirável Mundo Novo, Aldous Huxley

O romance distópico Admirável Mundo Novo exibe uma sociedade que é plenamente organizada pelos princípios da ciência. Neste mundo, os indivíduos são programados em laboratórios e devem cumprir a sua função em uma sociedade marcada por castas definidas biologicamente no nascimento. A literatura, a música e o cinema, por sua vez, são encarados como uma ameaça, uma vez que ajudam a solidificar o espírito de conformismo.


A Guerra dos Mundos, H. G. Wells

Eles vieram de Marte. Com tripés biomecânicos gigantes, eles querem conquistar a Terra e manter os humanos como escravos. Esse é o começo da guerra mais importante da história e nenhuma tecnologia terrestre parece ser capaz de conter a expansão do terror pelo planeta. Como a humanidade poderá resistir à investida de um potencial bélico tão superior?


Blade Runner – o Caçador de Andróides, Philip K. Dick

Rick Deckard é caçador de recompensas e um sobrevivente da guerra atômica. Quando um novo trabalho surge, Rick pensa que a sua vida vai sofrer um grande ponto de virada. Mas as suas convicções devem mudar quando ele notar que a linha que separa o real do fabricado não é mais tão nítida como ele acreditava ser.


Despertar, Octavia E. Butler

Quando Lilith Iyapo desperta após 250 anos de animação suspensa, ela descobre que o planeta Terra e os seres humanos sobreviventes de uma guerra catastrófica estão sob a guarda dos Oankali, uma espécie alienígena com habilidades e tecnologias impressionantes. Novamente acordada, Lilith terá que despertar e preparar outros seres humanos para finalmente retornarem ao planeta natal.


Duna, Frank Herbert

Em Duna, conhecemos Paul Atreides, um jovem prestes a mudar radicalmente de vida. Depois de receber a visita de uma mulher desconhecida, Paul é obrigado a ir embora de seu planeta natal para viver no árido e severo Arrakis, o Planeta Deserto. Por lá, o rapaz se envolverá em questões políticas e religiosas e, nele, o povo de Arrakis irá depositar a esperança de realização de um plano urdido há séculos.


Eu, Robô, Isaac Asimov

Um dos maiores clássicos da literatura de ficção científica, Eu, Robô reúne nove contos que abordam a evolução dos autômatos através do tempo. É neste livro que Isaac Asimov apresenta as Três Leis da Robótica, princípios que regem o comportamento dos robôs e que mudaram definitivamente a percepção que se tem sobre eles na própria ciência.


Fahrenheit 451, Ray Bradbury

Fahrenheit 451 narra os bastidores de um governo totalitário, num futuro incerto, mas próximo. Nesse lugar, os livros ou qualquer tipo de leitura estão proibidos, uma vez que podem instruir o povo e fazer com que ele se revole contra o sistema. No futuro não tão distante, a leitura deixa de ser meio para aquisição de conhecimento crítico e torna-se suficiente apenas para a leitura de manuais e operação de aparelhos. 


Neuromancer, William Gibson

Considerado o livro precursor do movimento cyberpunk, Neuromancer conta a história de Case, um cowboy do ciberespaço e hacker da matrix. Depois de tentar enganar os patrões, o seu sistema nervoso é contaminado por uma toxina que o impede de entrar no mundo virtual. Nesse momento, Case passa a vagar pelos subúrbios de Tóquio e acaba se envolvendo em uma jornada que mudará para sempre a percepção da realidade.

Neuromancer, de William Gibson

O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias, Douglas Adams

Com introdução inédita de Douglas Adams e prefácio de Neil Gaiman, O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias trata-se de uma edição de luxo que reúne os cinco livros da série que acompanha Arthur Dent pela Galáxia. Com o humor ácido e as tramas surreais de Douglas Adams, o livro vai levar você a aventuras incríveis e totalmente improváveis.


Trilogia da Fundação, Isaac Asimov

A Trilogia da Fundação conta a história da humanidade em um ponto distante no futuro. Nesse lugar, o visionário cientista Hari Seldon prevê a destruição total do império humano e de todo o conhecimento acumulado por milênios. Incapaz de impedir a tragédia, ele arquiteta um plano ousado: se tudo correr como o planejado, Seldon poderá reconstruir a glória dos homens.


Você já leu algum livro da lista?


Yasmin Lisboa
Comentários

Yasmin Lisboa

Yasmin é jornalista e estudante de Cinema. Cantora e colecionadora de discos e livros, é fascinada pela cultura popular brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *