O legado de Eric Hobsbawm, um dos principais historiadores do mundo

(2.9 Estrelas - 22 Votos)

Escritor morreu no dia 1 de outubro de 2012. Para homenageá-lo, fizemos uma lista com algumas de suas principais obras. Veja!

Um dos principais historiadores e intelectuais, Eric Hobsbawm deixou um extenso legado para a história contemporânea mundial. O escritor nasceu em uma família judaica, em Alexandria, no Egito, em 9 de junho de 1917. Ele passou seus primeiros anos de vida entre as cidades de Viena, na Áustria, e Berlim, na Alemanha, em meio à crise econômica causada pela Primeira Guerra Mundial. Aos 14 anos, após perder os pais, foi adotado com sua irmã Nancy pela tia materna e o tio paterno.

Neste período, Hobsbawm começou a estudar as obras do filósofo e sociólogo Karl Marx. Com a chegada de Adolf Hitler no poder na Alemanha, ele mudou-se com a família para Londres e ganhou uma bolsa para estudar na Universidade de Cambridge, onde formou-se em História. Em 1936, Hobsbawm entrou no Partido Comunista da Grã-Bretanha.

LEIA MAIS: Livros retratam diferentes perspectivas sobre o Brasil

Na Segunda Guerra Mundial, o escritor serviu o Exército e ajudou com trabalhos de inteligência, por dominar quatro idiomas. Após a guerra, ele voltou à Universidade de Cambridge e cursou o doutorado. Entre suas principais obras está a tetralogia que analisa o período entre 1789 e 1991, com os livros A era das revoluções, A era do capital, A era dos impérios A era dos extremos.

Hobsbawm morreu vítima de pneumonia, aos 95 anos, no dia 1º de outubro de 2012, em Londres. Para homenagear o intelectual, selecionamos algumas de seus principais títulos. Confira a lista!


Era dos extremos: O breve século XX

Em A era dos extremos, o historiador Eric Hobsbawm discorre sobre o século XX, principalmente sobre o início da Primeira Guerra Mundial, em 1914, e a queda da União Soviética, em 1991. Para o intelectual, o período foi breve e extremado, com muitas crises e catástrofes. O objetivo do escritor é se aprofundar nos acontecimento que construíram o mundo de hoje.

Era dos extremos, de Eric Hobsbawm


A era das revoluções – 1789 a 1848

Lançado em 1962, A era das revoluções é um dos principais livros de Eric Hobsbawm. A obra analisa as revoluções Francesa e Industrial e discute o impacto dos dois acontecimentos na sociedade até os dias atuais. É o primeiro livro da tetralogia que mapeia a ascensão do capitalismo. A era das revoluções


O novo século

O novo século surgiu após uma entrevista com o jornalista italiano Antonio Polito. Hobsbawm olha para o futuro e reflete sobre os novos tempos, sobre o que será de nossas vidas nas próximas décadas. O historiador discute ainda o tipo de mundo que deixaremos de legado para os nossos filhos.
O novo século, de Eric Hobsbawm


Tempos interessantes – Uma vida no século XX

Por meio de sua própria trajetória pessoal, o historiador Eric Hobsbawm revê o “breve século XX”. Nesta autobiografia, o autor britânico relembra a infância, a história de sua família, os anos de militância estudantil e seu trabalho de historiador, além de refletir sobre o próprio tempo – do fim da Primeira Guerra Mundial até os acontecimentos iniciais do século XXI.

Tempos interessantes, de Eric Hobsbawm


Globalização, democracia e terrorismo

Neste livro, Hobsbawm apresenta uma coletânea de dez palestras e conferências, nas quais faz um balanço dos principais temas da política internacional dos nossos dias. Com assuntos amplos, como nacionalismo, guerra e paz, e imperialismo, a obra tem forte unidade temática, centrada na análise da situação mundial no início do novo milênio e dos problemas mais agudos que nos confrontam.

Globalização, democracia e terrorismo


Sobre história

Para Eric Hobsbawm, a reflexão sistemática sobre o objeto e os objetivos da narrativa historiográfica não se distingue da própria escrita da história. O pensador ocupa-se mais diretamente das armadilhas e métodos da disciplina que o consagrou como um dos observadores privilegiados do mundo moderno. A riqueza de seu longo e bem-sucedido percurso intelectual, voltado para o estudo das relações entre passado, presente e futuro, espelha-se na amplitude e importância das questões abordadas nesta coletânea.

Sobre história, de Eric Hobsbawm


A invenção das tradições, com Terence Ranger

Ao lado de Terence Ranger, Eric Hobsbawm mostra como a “tradição” – base do nacionalismo e “prova” de uma espécie de antiga e inatacável superioridade dos povos – é uma construção, algo criado, inventado. A invenção das tradições é um trabalho de erudição e pesquisa, com um texto fluente e leve.A invenção das tradições, de Eric Hobsbawm


Como mudar o mundo – Marx e o marxismo

Como mudar o mundo é uma coletânea com textos sobre Karl Marx e o marxismo. O historiador Eric Hobsbawm oferece uma visão panorâmica do legado intelectual e político do filósofo. O escrito mostra ainda o impacto decisivo das obras de Marx nos séculos XIX e XX. Como mudar o mundo, de Eric Hobsbawm


Qual é o seu livro favorito de Eric Hobsbawm?

Gabriela Mattos
[mailpoet_form id=”4″]
Comentários

Gabriela Mattos

Gabriela é jornalista, editora do Estante Blog e foi repórter em um jornal carioca. Viciada em comprar livros, é apaixonada por literatura contemporânea e jornalismo literário.

Um comentário em “O legado de Eric Hobsbawm, um dos principais historiadores do mundo

  • 01.10.2018 a 7:11 pm
    Permalink

    Muito bom.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *