Sete escritoras que você precisa conhecer no Dia do Escritor e da Mulher Negra

(0 Estrelas - 0 Votos)

No Dia do Escritor e da Mulher Negra, celebramos incríveis autoras Dia 25 de julho é o Dia do Escritor. Também é o Dia da Mulher Negra. Duas excelentes oportunidades para dar destaque a autoras de incrível sensibilidade e talento que talvez você ainda não conheça. Confira esta lista de escritoras e suas obras inspiradoras.

Maya Angelou

Aclamada poeta norte-americana, a autora e ativista Maya Angelou costuma ser mencionada como porta-voz das mulheres negras dos EUA. Suas poesias falam sobre a beleza negra, a força da mulher e do espírito humano e a luta por justiça social. Entre suas principais obras estão Carta à minha filha As 30 coisas que toda mulher de 30 deve ter e saber. [caption id="attachment_23529" align="aligncenter" width="300"]Maya Angelou Clique na imagem e veja a obra do autora na Estante Virtual[/caption]

Conceição Evaristo

Suas obras, em especial o romance Ponciá Vicêncio,abordam temas como a discriminação racial, de gênero e de classe. A obra foi traduzida para o inglês e publicada nos Estados Unidos. Atualmente leciona na Universidade Federal de Minas Gerais como professora visitante. A autora publicou também Olhos d’água e Becos da memória. [caption id="attachment_23528" align="aligncenter" width="300"]Conceição Evaristo Clique na imagem e veja a obra do autora na Estante Virtual[/caption]

Alice Walker

A autora é internacionalmente conhecida por sua participação em movimentos pelos direitos civis, principalmente das causas negra e feminina. Além de romancista premiada, é também autora de contos, ensaios, poemas e vários livros infantis. Sua obra está traduzida para mais de vinte línguas. A cor púrpura, adaptada com sucesso para o cinema, tendo no elenco nomes, Danny Glover, Whoopi Goldberg e Oprah Winfrey, é seu livro mais conhecido. Outras obras importantes: Rompendo o silêncio e Ninguém segura essa mulher. [caption id="attachment_23526" align="aligncenter" width="300"]alice walker Clique na imagem e veja a obra do autora na Estante Virtual[/caption]

Zora Neale Hurston

Hurston publicou mais de cinquenta romances, contos, peças e ensaios. Ao contrário de seus contemporâneos Richard Wright e Ralph Ellison, Hurston não escreve explicitamente sobre a questão do racismo nos EUA. Ela foca na cultura e nas tradições negras por meio da poesia do seu discurso. Apesar do sucesso inicial, Zora sofreu no final de sua carreira. Teve dificuldade para ser publicada e morreu pobre e sozinha. As gerações seguintes descobriram suas obras e chamaram a atenção de novos leitores. No Brasil, tem publicado Seu olhar posto em Deus. [caption id="attachment_23531" align="aligncenter" width="300"]Zora Neale Hurston Clique na imagem e veja a obra do autora na Estante Virtual[/caption]

Carolina Maria de Jesus

Catadora de lixo e moradora da favela do Canindé, em São Paulo, Carolina usava os cadernos que encontrava no lixo para escrever sobre seu cotidiano e pensamentos. Com o tempo, virou um diário que passou a ser publicado num jornal. Hoje, está traduzida para mais de dez idiomas. Publicou Quarto de despejo: Diário de uma favelada, Diário de Bitita, Pedaços da fomeAntologia pessoal. [caption id="attachment_23527" align="aligncenter" width="300"]Carolina Maria de Jesus Clique na imagem e veja a obra do autora na Estante Virtual[/caption]

Toni Morrison

Esta norte-americana formada em letras pela Howard University estreou, em 1970, com O olho mais azul. A obra Amada lhe valeu o Pulitzer. Em 1993, tornou-se a primeira escritora negra a receber o Prêmio Nobel de Literatura. Outras obras de destaque: Paraíso, Jazz e Compaixão. [caption id="attachment_23530" align="aligncenter" width="300"]Toni Morrison Clique na imagem e veja a obra do autora na Estante Virtual[/caption]

Chimamanda Ngozi Adichie

Nascida no dia 15 de setembro de 1977 na Nigéria, Chimamanda Ngozi Adichie publicou seu primeiro romance, Hibisco roxo, em 2003. O segundo, Meio sol amarelo, ganhou o importante Orange Prize em 2007. Chimamanda é voz importante na luta pelo direito das mulheres, tendo escrito, inclusive, as obras Sejamos todos feministas e Americanah. [caption id="attachment_21837" align="aligncenter" width="300"]Chimamanda Ngozi Adichie Clique na imagem e veja a obra do autora na Estante Virtual[/caption]
  Você já leu algum livro destas escritoras? Deixe seu comentário e participe da conversa. [wysija_form id=”5″]]]>

Leonardo Loio

SEM, SEO e tudo relacionado a buscadores, é o que eu gosto. Carioca, marketeiro, profissional de marketing digital, search marketing, tento aprender, discutir e ensinar.

4 thoughts on “Sete escritoras que você precisa conhecer no Dia do Escritor e da Mulher Negra

  • 25.04.2017 em 7:55 am
    Permalink

    Eu gostei demais das dicas. Como faço para baixar o ebook completo?

  • 31.07.2016 em 8:52 am
    Permalink

    Ja li o Quarto de Despejo. Maravilhoso. Estou conhecendo Agora a Conceição Evaristo e ja estou guardando os outros nomes para conhecer também. Show de Bola.

  • 29.07.2016 em 11:56 am
    Permalink

    Li Quarto de Despejo. Muito humano, triste e pior. Não é ficção. Era seu dia a dia na favela.
    Uma grande mulher.

  • 25.07.2016 em 7:53 pm
    Permalink

    Só Chimamanda. Que vergonha! Vou correr atrás de todas as outras…

Fechado para comentários.

Maze Runner: Conheça os livros da saga Conheça os livros de Jô Soares Se você gostou dessas séries, vai gostar desses livros! Clássicos do Horror para conhecer Os melhores romances para ler nos próximos meses