10 dicas de livros para aliviar seu dia a dia

(2.2 Estrelas - 11 Votos)
Leituras rápidas para qualquer hora e lugar

De segunda a sexta-feira, todos nós enfrentamos aquela correria louca do dia a dia. Saímos de casa para o trabalho ou para a faculdade e o colégio, depois para algum curso ou atividade física e, quando chegamos de volta ao lar, estamos cansados, com nossas tarefas domésticas por fazer e quase na hora de dormir. Quem gosta de estar sempre com uma leitura atualizada, esse ritmo pode atrapalhar, né? Para piorar, existem as dificuldades para ler na rua, como: livro pesado e difícil de carregar e colocar na bolsa; ou segurar o livro em pé na condução; ou demorar semanas para acabar uma história devido ao pouco tempo livre.

Para evitar que tudo isso prejudique seu lazer literário, criamos uma lista com livros que sejam fáceis de carregar de um lado para o outro, além de serem curtos para não ficarmos muito tempo na mesma história, caso isso incomode alguém. Confira!

O fio da palavra, de Bartolomeu Campos de Queirós

O fio da palavra explora a forma gráfica das palavras. A teia da inspiração, numa alusão à dificuldade de escrever. Como será que um autor escreve? Será que ele planeja ou tem a inspiração? Como conversar sobre isso? Cada escritor tem seu percurso, tem sua forma de se relacionar com o texto. Este livro é uma declaração de amor à escrita, a cada letra que é desenhada pelo poeta. E o que o leva a escrever? De palavras cheias de musicalidade: fio, novelo, sonho, pedra, fruto, miolo, Bartolomeu nos faz pensar sobre a nossa existência, cujo fio é mais fino do que a teia da aranha. Como uma metáfora da vida, a obra está para todas as idades, pela força poética, pelos jogos de palavras e pelo trabalho com questões tão universais: a vida, a morte, o amor, o brincar, o desenhar, o inscrever-se na literatura.

o fio da palavra
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Bonsai, de Alejandro Zambra

A história de um amor, o de Julio e Emilia, e é a história do fim deste amor. É também uma história sobre a consciência do fim. E não apenas para os dois, mas para nós, leitores, que, na primeira linha desta história falsamente simples, recebemos a notícia: “No final ela morre e ele fica sozinho”. Bonsai coloca em cena dois estudantes de Letras, suas leituras, encontros e desencontros. Traduzido em mais de dez países, o livro ganhou o Prêmio da Crítica e o Prêmio do Conselho Nacional do Livro como melhor romance de 2006 no Chile.

bonsai
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Sejamos todos feministas, de Chimamanda Ngozi Adichie

Neste ensaio agudo, sagaz e revelador, a autora nigeriana parte de sua experiência pessoal de mulher para pensar o que ainda pode ser feito de modo que as meninas não anulem mais sua personalidade para ser como esperam que sejam, e os meninos se sintam livres para crescer sem ter que se enquadrar nos estereótipos de masculinidade. A obra é uma adaptação do discurso feito pela autora no TED, que conta com mais de 1 milhão de visualizações e foi musicado por Beyoncé.

sejamos todos feministas
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Festa no covil, de Juan Pablo Villalobos

Em Festa no covil, a vida íntima de um poderoso chefe do narcotráfico é narrada pelo filho. Garoto de idade indefinida, curioso e inteligente, o pequeno, que vive trancado num palácio sem saber a verdade sobre o pai, reconta sem filtros morais o que presencia ou conhece pela boca dos empregados ou pela tevê. Seu passatempo é investigar secretamente os mistérios que entrevê, colecionar chapéus e palavras difíceis e pesquisar sobre samurais, reis da França e animais em extinção, sempre com o auxílio de seu preceptor – um escritor fracassado egresso da esquerda.

festa no covil
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Mamãe Walsh, de Marian Keyes

Depois de encantar os leitores com as loucas e divertidas irmãs Walsh (Claire, Margaret, Rachel, Anna e Helen), Marian Keyes presenteia o leitor com um pequeno dicionário sobre a família irlandesa mais disfuncional – e amada – do mundo. De maneira bem-humorada, a matriarca apresenta uma lista de coisas que, de alguma forma, são relevantes para o seu clã: como ela descobriu as tangas, por exemplo. Ou por que em sua casa só existe comida congelada e fast-food. Ou a história sobre aquele bronzeado artificial horroroso que a deixou tão laranja que…

mamae walsh
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Cilada, de Harlan Coben

Haley McWaid tem 17 anos. É aluna exemplar, disciplinada, ama esportes e sonha entrar para uma boa faculdade. Por isso, quando certa noite ela não volta para casa e três meses transcorrem sem que se tenha nenhuma notícia dela, todos na cidade começam a imaginar o pior. O assistente social Dan Mercer recebe um estranho telefonema de uma adolescente e vai a seu encontro. Ao chegar ao local, ele é surpreendido pela equipe de um programa de televisão, que o exibe em rede nacional como pedófilo. Inocentado por falta de provas, Dan é morto logo em seguida. Na junção dessas duas histórias está Wendy Tynes, a repórter que armou a cilada para Dan e que se torna a única testemunha de seu assassinato. Wendy sempre confiou apenas nos fatos, mas seu instinto lhe diz que Mercer talvez não fosse culpado. Agora ela precisa descobrir se desmascarou um criminoso ou causou a morte de um inocente.

capa 16x23 aberta.indd
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Sonho grande, de Cristiane Correa

A história dos três homens que ergueram o maior império do capitalismo brasileiro em pouco mais de quatro décadas, ganhando projeção mundial nunca vista antes por empresários de nosso país. Esses três são Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira, o trio brasileiro, que nos últimos anos fez parte da aquisição de três dos maiores símbolos do capitalismo americano: Budweiser, Burger King e Heinz. O leitor conseguirá entender melhor a conduta dos executivos em sua vida empresarial, e como, sem grandes estardalhaços, chegaram tão longe passando a maior parte do tempo longe dos holofotes.

sonho grande
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Minha vida na horizontal, de Chelsea Handler

Nesta escandalosa coletânea de histórias da vida real, a famosa apresentadora Chelsea Handler narra suas aventuras na cama (e em lugares não tão convencionais) de uma série de pretendentes. Minha Vida na Horizontal é um relato ousado do que pode acontecer entre um homem e uma mulher durante uma noite de ardente paixão. Desde o seu fugaz envolvimento com um stripper de Las Vegas até seu flerte ainda mais breve com um anão, e desde seu selvagem encontro com um atorzinho de cruzeiros marítimos até sua extravagante noite com um homem que curte se fantasiar com roupas de couro, Chelsea relembra os altos e baixos de suas aventuras de uma noite só com hilariante honestidade.

minha vida na horizontal
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Bestiário, de Julio Cortázar

Bestiário é a primeira obra em que Julio Cortázar afirma se sentir “seguro do que queria dizer”. Apesar de ter alcançado renome mundial depois da publicação de seu romance O jogo da amarelinha, os contos são a coluna vertebral da vasta obra de Cortázar. As histórias que compõem este volume falam de objetos e acontecimentos cotidianos, passam para a dimensão do pesadelo ou da revelação de modo natural e imperceptível. Em cada conto, surpresa e inquietação são acrescentadas ao indescritível prazer de lê-los.

bestiario
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Extraordinário, de R.J. Palacio

August Pullman nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola… até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros. Uma história edificante, repleta de amor e esperança, em que um grupo de pessoas luta para espalhar compaixão, aceitação e gentileza. Impossível ficar indiferente após esta leitura.

untitled
Clique na imagem e confira na Estante Virtual

Tem problemas para conciliar a leitura com a correria do dia a dia? Dê seu depoimento e participe da conversa.

Comentários

Um comentário em “10 dicas de livros para aliviar seu dia a dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *