Quatro histórias de 007 que são diferentes nos livros

(0 Estrelas - 0 Votos)

James Bond já foi adaptado para o cinema 24 vezes

Todos sabemos que adaptações de obras literárias para o cinema nem sempre são fiéis. No caso da obra de Ian Fleming, o criador de 007, não poderia ser diferente. Ou melhor: não poderia ser igual. Algumas das aventuras do espião inglês tiveram desdobramentos bem diferentes nos livros. Confira!

 

Em 007 contra o satânico Dr. No, Bond impede o lançamento de foguetes que tinham como objetivo destruir o programa espacial norte-americano sobrecarregando o reator nuclear. Ele mata Dr. No lançando-o no tanque de resfriamento. No livro, o gênio do mal usa um polvo gigante para matar Bond, mas o herói mata o monstro com uma lança. E quando Dr. No menos esperava, 007 usou um guindaste para jogar toneladas de guano sobre o vilão. Em tempo: guano é um dos nomes para fezes de morcego. Depois, Bond ainda passa algum tempo ponderando que outra forma de morte poderia ser tão patética?

Veja o livro
Veja o livro

 

Em Da Rússia, com amor, o espião inglês enfrenta um super agente russo chamado Red Grant que é praticamente um Bond comunista. No livro, ele é um assassino em série que ataca em noites de lua cheia. E tem uma forte tendência ao nudismo.

Veja o livro
Veja o livro

 

Encontro em Berlim é uma coleção de histórias curtas publicada depois da morte de Ian Fleming. A última delas é 007 em Nova York, e a maior parte do conto se passa dentro da mente de Bond, enquanto ele faz considerações de ovos mexidos feitos pela sua secretária. Juro. O livro foi adaptado para o cinema sob o título de 007 contra Octopussy.

Veja o livro
Veja o livro

 

O espião que me amava é um romance sob o ponto de vista de uma mulher que conhece o espião sedutor. Na verdade, quase não há James Bond na história. Ele surge para salvar a protagonista e desaparece depois de uma noite de amor.

Veja o livro
Veja o livro

 

Quem é o seu favorito James Bond? Deixe seu comentário e participe da conversa.

 

Comentários

Rodrigo Espírito Santo

Rodrigo Espírito Santo

Mestre em Comunicação Social, MBA em Comunicação Corporativa, Pós-graduado em roteiro de audio visual. Mais de 15 anos de experiência em comunicação empresarial, endomarketing, redação publicitária, jornalística e de conteúdo para redes sociais.

Um comentário em “Quatro histórias de 007 que são diferentes nos livros

  • 11.02.2020 a 4:52 pm
    Permalink

    1) Os livros de contos que Ian Fleming escreveu sobre James Bond tiveram uma adaptação por conto, sendo que nem todos os contos receberam adaptações!

    2) 007 – O Espião que me Amava tem o filme totalmente diferente do livro porque o livro não fez sucesso, Ian Fleming, então, só autorizou os produtores a utilizarem o título dele!

    3) 007 contra o Foguete da Morte não foi citado em seu artigo, mas foi totalmente diferente ao ser adaptado para pegar carona nos sucessos de Contatos Imediatos de Terceiro Grau e de Star Wars!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *