As capas de livros mais estranhas na opinião dos leitores

(5 Estrelas - 1 Votos)

Todo leitor que se preza gosta de apreciar uma obra por completo. Sua sinopse, seu conteúdo, a textura de suas páginas (há até aqueles que gostam de seu cheiro) e, por fim, ela: a capa do livro! Está tão provado que uma imagem pode valer mais do que 1.000 palavras que muitos leitores já revelaram ter escolhido a próxima leitura só pela capa de um livro, ou mesmo, há aqueles que rejeitaram algumas leituras por conta de um design menos cuidado. Se você curte blogs de literatura e acompanha algum deles com frequência, já deve ter se deparado com um meme que anda circulando por aí. Trata-se do “julgando pela capa“, onde os blogueiros contam para seus leitores quais os livros que já escolheram pela capa, quais rejeitaram e no fim elegem suas capas preferidas.

Leia também nosso post sobre os 11 títulos inusitados de livros encontrados na Estante Virtual.

Pensando nisso, fizemos uma pesquisa pela web em busca das capas mais estranhas na opinião dos leitores, aquelas que, geralmente, levam à rejeição de um livro. Mas atenção: opiniões são sempre subjetivas. Uma capa estranha para um leitor pode ser uma capa intrigante para outro e ao invés de afastar sua curiosidade, aguça seu interesse pela leitura. Portanto, as imagens abaixo não reproduzem um posicionamento da Estante Virtual, e sim a opinião de alguns leitores que se manifestaram na internet sobre as mais curiosas e estranhas capas de livros. Confira:

Capas de Livros Estranhas

Desconexão entre as imagens e a história do livro, abstração demasiada, interpretações subliminares, exagero. Enfim, são muitos os pequenos detalhes que podem fazer um leitor achar uma capa de livro “meio esquisitinha”. Em Paprika, de Yasutaka Tsutsui, alguns leitores que não apreciam morangos podem até ter se identificado com a capa desse livro, mas no geral, ela nos faz pensar que comer frutas é de matar! Além disso, uma pergunta para os cozinheiros de plantão: páprica vai bem com frutas?! Outras duas capas que intrigam os leitores são as das obras Precisamos falar sobre o Kevin e O grande Gatsby. Enquanto a primeira nos faz ter dúvidas se Kevin é humano ou não (o que, de certo ponto de vista, até pode aguçar nossa curiosidade sobre o livro), a segunda, com sua tamanha abstração, não nos faz perceber muito bem as imagens da capa. “Do que trata o livro” é a pergunta que fica no ar.

Capas de Livros Estranhas

As capas de God is not yet dead e A visita cruel do tempo são outras que desafiam nossa imaginação. Há leitores que apostam que é possível ver rostos idosos com óculos na capa da obra de Jennifer Egan. E você, topa o desafio de tentar descrever essas imagens?

Bem, quando o assunto do livro não colabora, não há imagem que possa salvar seu conteúdo. Em O que seu cocô está dizendo à você, daremos uma trégua ao ilustrador dessa privada falante!

Capas de Livros Estranhas

Aqui temos mais um caso de elementos desconexos nas capas. O que significam as imagens no livro de Stephen King?Ou mesmo o periquito bicando os brincos de Ana Maria Braga? Além disso, o que faz a foto de Ana Maria Braga em um livro com mensagens de autoajuda? Ok. Ela escreveu o livro, dãhn! E talvez ela saiba responder nossa primeira pergunta: “Páprica vai bem com frutas”?

Em Solar, de Ian McEwan, o urso gera uma apreensão logo no primeiro momento. Parece que está vivo e prestes a atacar, mas depois torna-se uma imagem de mau gosto já que ninguém vai querer ter um tapete de pele de animal em sua sala, não é mesmo?! Curioso também é ver um urso polar em um livro com o nome “Solar”. Será que trocaram as estações?

Capas de Livros Estranhas

Por fim, os ilustradores de One Two Three Pull e Clown Girl também não foram muito felizes na escolha das imagens de seus livros. O que pode até parecer divertido em um primeiro momento, pode carregar mensagens subliminares que não agradam, ainda mais no primeiro título, um livro infantil.

Gostou? Então, conte para nós os livros que já leu ou rejeitou por suas capas, comentando este post.

Comentários

6 comentários em “As capas de livros mais estranhas na opinião dos leitores

  • 21.03.2017 a 7:17 pm
    Permalink

    Amei o site!! Parabens!

  • 20.04.2014 a 12:21 pm
    Permalink

    As capas realmente tem bastante efeito na hora da escolha de u livro, inclusive o primeiro livro que li a capa era de uma mulher segurando uma ar a, despertou minha curiosidade, e acho justo jugarmos o livro pela capa pois se a hiatoria é boa, conseguinte a capa será o reflexo da obra bem elaborada, isso não significa q os livros de capa mai modesta não sejam bona, mas acho qe vale a pena os editre investirem mais na capa… bjs

  • 03.07.2012 a 5:11 pm
    Permalink

    Livro “Nossa Época à Luz da Profecia, escrito por William Ambrose Spicer (1865-1952), um ministro da Igreja Adventista do Sétimo Dia, e publicado no Brasil em 1917. A capa de cor marrom fúnebre, bem sinistro… mas o conteúdo é de cunho filosófico e religioso.

  • 29.06.2012 a 3:16 pm
    Permalink

    A capa do livro Precisamos Falar sobre o Kevin é uma das minhas favoritas. A primeira vez que vi a capa foi o que me chamou a atenção em querer saber do que se tratava o livro.

  • 29.06.2012 a 9:17 am
    Permalink

    Essa é fácil: QUALQUER UM da Martin Claret.

  • 28.06.2012 a 5:50 pm
    Permalink

    nãooo, tem capas lindas aí, gente! precisamos falar sobre kevin e a visita cruel do tempo são maravilhosas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares