Livreiro Amadeu Cocco é cidadão honorário de Belo Horizonte

(0 Estrelas - 0 Votos)

Quando começou a trabalhar com livros, nos anos 1930, Amadeu Cocco não poderia imaginar a longa carreira que teria. Vindo de Passagem de Mariana, em Minas Gerais, para a capital do estado, Amadeu logo arranjou trabalho em uma livraria. Em 1948, uma oferta irrecusável fez com que ele abrisse seu próprio negócio: Milton Pedrosa, jornalista e crítico literário, estava de mudança para o Rio de Janeiro e ofereceu-lhe os 800 títulos de sua biblioteca. Amadeu comprou fiado e inaugurou o primeiro sebo de Belo Horizonte, a Livraria Amadeu. Atualmente, o sebo conta com três lojas e possui um acervo total de 80 mil volumes, exposto na Estante Virtual.

Do alto dos seus 91 anos de idade e 75 de dedicação aos livros, Seu Amadeu acaba de ganhar um reconhecimento importante pelo seu trabalho e por sua relevância cultural. O livreiro foi premiado com o título de cidadão honorário de Belo Horizonte. “O mais importante é prestar um serviço à coletividade”, contou ao Jornal O Tempo. A Estante Virtual parabeniza o Sr. Amadeu e torce para que sua trajetória sirva de estímulo aos sebos de todo o Brasil, que agora estão reunidos aqui no portal.

Comentários

8 comentários em “Livreiro Amadeu Cocco é cidadão honorário de Belo Horizonte

  • 24.05.2009 a 9:18 pm
    Permalink

    Mas que merecida essa homenagem ao Sr.Amadeu….
    Parabénas.

  • 16.10.2008 a 12:32 am
    Permalink

    “Seu” Amadeu chegou, tempo depois o Colégio Anchieta veio e nos ensinou.
    “Seu” Amadeu nos ajudou.
    O Colégio se foi, faz tempo, que perda.
    Mas “Seu” Amadeu ficou,nos ajudou.
    Até nossa saudade amenizou.
    Nossa vida só melhorou
    Nossos filhos e netos seu apoio os orientou.
    Com todo carinho, agradecemos.
    Que bom que o senhor ficou…

  • 11.07.2008 a 9:45 pm
    Permalink

    Eu estudava no colégio Municipal e comprei muitos livros na livraria do seu Amadeu na rua tamoios como foi bom aquirir livros por preços módicos. Hoje sou médico em Montes Claros e trabalho na Coteminas fazendo medicina do trabalho.
    Obrigado Seu Amadeu

  • 22.09.2007 a 3:06 pm
    Permalink

    Oséias, onde posso conseguir este livro que você citou (Livraria Amadeu)? Procurei aqui na Estante e no Buscapé e não o encontrei.
    Obrigado.

  • 21.09.2007 a 1:46 pm
    Permalink

    Claro! Está correto agora. Obrigado Amelia e Oséias (boa dica a do livro).

  • 21.09.2007 a 10:32 am
    Permalink

    Amadeu é o anjo dos livros aqui em BH (como chamamos Belo Horizonte).
    Ele com seus 91 anos, voa pelas escadas de sua Livraria para encontrar
    o livro que voce procura.
    Trapezista deste “Circo dos Livros” Amadeu faz arte para encontrar o
    livro que procuras.
    Sementeiro de letras vem plantando frases, palavras e livros pelos
    tempos de seu caminhar em BH.
    Longa vida para Amadeu!!!!

  • 21.09.2007 a 10:21 am
    Permalink

    Caros Amigos,
    Sr Amadeu Ricci Cocco é Proprietário da Livraria Amadeu.
    O proprietário da Alfarrábio é o Sr Eduardo Brito de Azevedo.
    Atenciosamente,
    Amelia Brito de Azevedo

  • 20.09.2007 a 6:58 pm
    Permalink

    Boa lembrança sobre a homenagem ao “seu” Amadeu. No entanto, sua livraria leva seu nome: Livraria Amadeu.
    Há um livrinho que conta a história da livraria: “Livraria Amadeu”, de João Antonio de Paula; faz parte da coleção “A BH de cada um” e custa meros R$ 15,
    O Alfarrábio é outro sebo tradicional de BH, mas o fundador é o Eduardo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *