Leitores indicam os melhores mangás

(5 Estrelas - 2 Votos)

Indicações dos nossos internautas reúnem títulos de mangás para todos os gostos. Veja a lista completa!

Famosos quadrinhos japoneses, os mangás têm conquistado cada vez mais os leitores, principalmente aqueles do mundo geek. As principais características desses livros são desenhos realistas e metáforas visuais que mostram o estado emocional de cada personagem. As histórias costumam ser apresentadas em um único capítulo, que depois recebe continuação em outros exemplares.

Os mangás podem ser divididos em diferentes gêneros. Entre eles estão o Nekketsu, que valoriza as cenas de ação, como Naruto, a Gekiga, com temas adultos e de drama, como Lobo solitário, e Magical girl, que conta histórias de meninas ou rapazes com algum poder mágico, como Sakura Card Captor.

Os quadrinhos fazem tanto sucesso, que muitos já foram transformados em animes (desenhos animados japoneses que conquistam as telinhas da TV e dos cinemas). Há ainda aqueles mangás que foram baseados em filmes de live-action (quando há uma mistura de desenhos animados e atores).

Nas redes sociais, nossos leitores indicaram seus mangás favoritos. A partir das sugestões, fizemos uma seleção com os sete mais comentados na internet. Ficou curioso? Confira a lista completa e boa leitura!


Vagabond, a história de Musashi, de Takehiko Inoue

A história desse mangá se passa durante a Era Tokugawa. Após uma grande batalha, Musashi torna-se um dos muitos ronins, samurais sem mestres. Ele quer ser o melhor dos samurais e segue em busca do aperfeiçoamento físico e espiritual. O duelo com Inshun chegou ao momento decisivo. Decidido por uma tática agressiva, ele atacou com todas as forças, mas foi acuado pelo mestre lanceiro.


Naruto, de Masashi Kishimoto

Naruto é um dos principais mangás do mundo. A série conta a história do jovem ninja Naruto Uzumaki, que constantemente procura por reconhecimento e sonha em tornar-se Hokage, o ninja líder de sua vila. Dividida em duas partes, a história reúne os anos da pré-adolescência e da própria adolência do personagem.


Gantz, de Hiroya Oku

Gantz conta a história do adolescente Kei Kurono, que morre atropelado pelo metrô junto de um amigo, Masaru Katou. Após o acidente, os dois são transportados para uma sala para participar de um jogo sanguinário, violento e competitivo, comandado por uma “esfera negra” chamada Gantz.


Lobo solitário, de Kazuo Koike e Goseki Kojima

Considerada como a obra máxima dos mangás, Lobo Solitário se tornou referência mundial às artes visuais como o cinema, por sua beleza plástica simples e crua. O livro é um retrato fidedigno da época de ouro dos samurais, o apogeu da Era do Shogunato. Este é o caminho sangrento de Itto Ogami e seu filho Daigoro em busca de vingança contra a poderosa e influente família Yagyu, braço direito do Shogun, que orquestrou das sombras a ruína do clã Ogami.


Neon Genesis Evangelion, de Yoshiyuki Sadamoto

Evangelion se passa em 2015, em um mundo que acabara de ser reconstruído após a dizimação de metade da humanidade na catástrofe que ficou conhecida como “Segundo Impacto”. O Japão ganha uma capital provisória, a Tokyo-2, cujo Governo promove a construção da futura capital denominada Tokyo-3. Mas a construção da nova metrópole serve apenas de fachada para erguer uma cidade-fortaleza com tecnologia altamente avançada para resistir à ofensiva dos Anjos, monstruosos seres, cujo ataque já havia sido previsto pela humanidade.


Cavaleiros do zodíaco – A grande batalha dos deuses, de Masami Kurumada

Os cavaleiros do zodíaco – A grande batalha dos deuses é um dos mangás favoritos dos geeks. Criado e escrito por Masami Murumada, entre 1986 e 1990, a série de mangás reúne quatro sagas: Santuário, Blue Warriors, Poseidon e Hades.


Na prisão, de Kazuichi Hanawa

Na prisão é um relato autobiográfico em quadrinhos de Kazuichi Hanawa sobre o tempo em que esteve preso. De dentro do cárcere, Hanawa começou a escrever uma série para revista Ax. No início, descreveu o local onde ficavam os acusados enquanto são julgados. A partir da terceira edição, passou a descrever a penitenciária. Eram histórias surpreendentes, que narravam uma série de acontecimentos absolutamente corriqueiros e cotidianos. Um registro raríssimo da vida atrás das grades no Japão.


Qual livro você incluiria na lista? Comente e participe!


Gabriela Mattos

Analista de comunicação em Estante Virtual
Gabriela é jornalista, editora do Estante Blog e foi repórter em um jornal carioca. Viciada em comprar livros, é apaixonada por literatura contemporânea e jornalismo literário.
Gabriela Mattos
Comentários

Gabriela Mattos

Gabriela é jornalista, editora do Estante Blog e foi repórter em um jornal carioca. Viciada em comprar livros, é apaixonada por literatura contemporânea e jornalismo literário.

Um comentário em “Leitores indicam os melhores mangás

  • 25.06.2019 a 9:33 pm
    Permalink

    Não achei a lista muito inclusiva – apenas mangás de “ação” e/ou “adultos”. Acho que dois mangás que vale a pena mencionar são Akatsuki no Yona, sobre uma princesa que é expulsa do castelo quando seu primo dá um golpe de estado, e parte numa jornada para conseguir aliados; e Natsume Yuujinchou, sobre um menino que enxerga espíritos e por isso acabava não tendo muitos amigos e passando por vários lares adotivos, até que ele herda um livro de sua falecida avó e descobre que ela tinha poderes espirituais semelhantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *