[Agenda RJ] Primavera dos livros: uma estação de eventos literários

(0 Estrelas - 0 Votos)
Os amantes do mundo do livro podem reservar um espaço na agenda para os diversos eventos literários que estão a caminho na Cidade Maravilhosa.

Começa hoje (26) a tradicional Primavera Literária do Rio. Neste ano, o evento que reúne atividades para todas as idades está de casa nova, aterrissando na Casa França-Brasil. O primeiro dia abrirá com convidados ilustres como o compositor Martinho da Vila conversando com o público sobre a cidade, paixão literária e, claro, muita música a partir das 18h.

Além disso, vai rolar uma gincana digital para os jovens. Usando a ferramenta de educação gamificada Seppio, a plataforma Bibliomundi e a Liga Brasileira de Editoras (Libre) montaram alguns jogos e os participantes que alcançarem a pontuação máxima de 250 pontos concorrerão ao sorteio de um tablet. “A gincana é composta por vários desafios, que valem 10 pontos cada. Os alunos do ensino médio serão desafiados, por exemplo, a gravar Insta stories lendo uma estrofe do poema ‘Navio Negreiro’, de Castro Alves, à frente do Cais do Valongo, e lendo o poema ‘Mar Português’, de Fernando Pessoa, no terraço do Museu de Arte do Rio (MAR)”, divulgou a equipe da Bibliomundi.

No Espaço Infantil terá uma programação rica em espetáculos, oficinas e contação de histórias ao longo dos quatro dias de evento. Promovida pela Libre, a Primavera Literária é o maior encontro das editoras independentes do estado. Veja a programação completa no site oficial, clicando aqui!

Do asfalto à favela

Os becos e ladeiras da comunidade do Vidigal ganharão seis dias totalmente dedicados à literatura. De 10 a 15 de novembro, a favela na Avenida Niemeyer será palco da sexta edição da FLUP, Festa Literária das Periferias, que receberá mais de 40 de escritores nacionais e estrangeiros para discutir temas relacionados às revoluções – entre elas as sexuais, científicas e da internet – na ONG Horizonte. O grande homenageado será o ator, dramaturgo e revolucionário Oduvaldo Vianna Filho, o Vianinha. O evento, como sempre, é aberto ao público e gratuito.

No sábado, dia 11, a atriz Natalia Lage abrirá as atividades com a leitura de uma adaptação do livro “Identidade”, de Felipe Munhoz. A mesa “A Revolução que não Fizemos” reunirá o jornalista Leonardo Sakamoto e o advogado Tiago Muniz para debater o trabalho infantil e as diversas modalidades de escravidão contemporânea. Em seguida, Laurent Cantet, cineasta e vencedor da Palma de Ouro, se juntará a Paulo Lins, autor do clássico Cidade Deus, com mediação de Rodrigo Fonseca. Os três discutirão a forma que a periferia é retratada no cinema e literatura sobre o olhar estrangeiro.

A edição de 2017 da FLUP reunirá em seu último dia, quarta-feira, dia 15, o escritor e ativista queer Sam Bourcier, com a arquiteta e blogueira brasileira Charô Nunes para discutir a globalização da ameaça às liberdades individuais e à vida de tudo o que foge ao padrão. E em seguida haverá a final do Rio Poetry Slam – o campeonato internacional de poesia falada.

“A FLUP atingiu a maturidade como festival literário justamente no momento em que está mais crítica a situação econômica e política do país”, destaca Julio Ludemir, que criou e dirige a FLUP com Ecio Salles. “Já não somos vistos como mais um projeto social na favela, mas como uma plataforma para debater as grandes questões contemporâneas, que no nosso entender é a missão de um festival, principalmente se ele acontece na periferia.”

Natália Figueiredo

Natália Figueiredo

Jornalista Multimídia em Estante Virtual
Natalia Figueiredo fez da escrita sua profissão. Começou a carreira no jornalismo impresso do Rio, mantém o blog de viagens Nat no Mundo (http://natnomundo.com/) e, hoje, escreve sobre literatura para o Estante Blog.
Natália Figueiredo


Quer receber dicas semanais de leitura?

Assine e receba dicas fresquinhas em seu e-mail toda semana.

Comentários

Natália Figueiredo

Natalia Figueiredo fez da escrita sua profissão. Começou a carreira no jornalismo impresso do Rio, mantém o blog de viagens Nat no Mundo (http://natnomundo.com/) e, hoje, escreve sobre literatura para o Estante Blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares