6 livros de Antonio Cícero, o novo imortal da Academia Brasileira de Letras

O novo imortal é ensaísta, poeta e compositor. Conheça as suas principais obras.

A cadeira de número 27 da Academia Brasileira de Letras (ABL) não está mais vaga. O lugar, que antes pertencia ao escritor e ex-ministro da Educação Eduardo Portella, morto em maio deste ano, foi ocupado por Antonio Cícero, anunciado como o mais novo imortal da Academia, na última quinta-feira (10).

Antonio Cícero é poeta e ensaísta, além de ser o compositor que está por trás de canções populares, como O último romântico, de Lulu Santos, Acontecimentos, Virgem, Charme do Mundo e Para Começar, da cantora Marina Lima, sua irmã. O escritor também assina a autoria de versos para músicas de João Bosco, Adriana Calcanhoto, Frejat e Caetano Veloso. Apesar de seu legado no âmbito musical, Cícero também é dono de uma extensa obra literária. Confira a lista abaixo com os 7 principais livros do autor!


O mundo desde o fim, de Antonio Cícero

Neste livro, Antonio Cicero embarca em uma diálogo com Descartes, Kant, Hegel e Heidegger. Na vigorosa discussão, as noções de modernidade e racionalidade são colocados em pauta.  Em um dos conceitos abordados estão a busca da modernidade e o lugar onde ela de fato se encontra. Segundo Cicero, a modernidade não consiste, põe exemplo, numa etapa histórica nem no desenvolvimento econômico ou tecnológico, nem no materialismo, nem no relativismo, nem no neo-liberalismo, mas sim em outros locais que também são estudados.

Porventura - Antonio Cicero
Clique aqui e confira na Estante Virtual

Finalidades sem fim, de Antonio Cícero

Em meio a todo o debate sobre a pós-modernidade e as conclusões chegadas, Antonio Cicero repensa nesta obra os problemas da criação poética e artística a partir do legado deixado no século XX. E conclui: o fim das vanguardas não representou o término do fluxo da modernidade – e sim a sua completa realização. Elas cumpriram sua tarefa de abrir caminhos, e deixaram para os poetas e os artistas do século seguinte um panorama positivo e repleto de possibilidades. 

Finalidades sem fim - Antonio Cicero
Clique aqui e confira na Estante Virtual

Poesia e Filosofia, de Antonio Cícero

Sobre a intenção da publicação desta obra, o autor Antonio Cícero afirmou: “Existe, entre muitos ensaístas e alguns poetas contemporâneos, uma vontade de apagar as fronteiras entre a poesia e a filosofia, e de escrever textos que sejam simultaneamente as duas coisas, ou que passem imperceptivelmente de uma para a outra. Tentarei mostrar algumas das razões pelas quais considero isso um erro, tanto para a poesia, quanto para a filosofia.”

Poesia e filosofia - Antonio Cicero
Clique aqui e confira na Estante Virtual

A cidade e os livros, de Antonio Cícero

Os poemas deste livro estão entrelaçados entre si,  ligando anônimos até anônimos, tornando a cidade cenário dos poemas uma espécie de labirinto, que se prolonga no decorrer do descobrimento dos livros e de suas histórias.

A cidade e os livros - Antonio Cicero
Clique aqui e confira na Estante Virtual

Guardar, de Antonio Cícero

Neste livro, Antonio Cicero reúne toda sua obra poética, grande parte realizada em parceria com sua irmã, a cantora e compositora Marina Lima. Com muitas referências ao cenário carioca, Cicero disseca de forma meticulosa as paixões, os anseios e as desilusões do homem moderno do final do século XX. 

Guardar, de Antonio Cicero
Clique aqui e confira na Estante Virtual

Porventura, de Antonio Cícero

Em Porventura,  Antonio Cícero desenvolve com mais profundidade o universo da cultura clássica, a grega em especial. No entanto, o autor não trata apenas de modernizar e personificar as heranças desta época, mas também tenta expressar em toda sua força e singularidade.

Porventura - Antonio Cicero
Clique aqui e confira na Estante Virtual

Qual é o seu livro preferido do autor? Deixe sua opinião e participe da conversa!


Quer receber dicas semanais de leitura?

Assine e receba dicas fresquinhas em seu e-mail toda semana.

Thayane Maria

Thayane Maria

Redatora em Estante Virtual
Thayane Maria, jornalista e cinéfila. Além de escrever para o Estante Blog, também mantém o seu blog no Medium: @Msmidnightlover. Vive em eterna busca pelo excêntrico.
Thayane Maria
Comentários

Thayane Maria

Thayane Maria, jornalista e cinéfila. Além de escrever para o Estante Blog, também mantém o seu blog no Medium: @Msmidnightlover. Vive em eterna busca pelo excêntrico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares