Correios torna mais caro enviar livros acima de 2kg

(0 Estrelas - 0 Votos)

Qual o peso da cultura?

A partir de hoje, 14 de junho, os Correios mudaram as regras para envio de livros: títulos que pesem mais de dois quilos não poderão mais ser postados na modalidade impresso normal (exclusivo para livros), passando à modalidade PAC ou Sedex (para encomendas de produtos em geral). A mudança encarece o frete em até 50% e 200%, respectivamente.

Os mais afetados com a medida serão os leitores de fora da região Sudeste, que em alguns casos sequer contam com livrarias em suas cidades. Somente em 2016, a Estante Virtual viabilizou, por meio de sua rede de livreiros, a compra e venda de mais de 1,4 milhões de livros a preços acessíveis para cidades fora da região sudeste.

A lembrar…

Entendemos que a alteração na cobrança vai contra a Política Nacional do Livro (Lei 10.753 de 30/10/2003 – Capítulo IV), que estabelece tarifa postal preferencial reduzida para o livro brasileiro, como forma de estimular o incentivo a leitura. A medida já havia sido anunciada pela empresa em 2016, com restrições ainda maiores, mas foi revogada na época.

Será que para os Correios livros com mais de 2kg deixam de ser livros?!


Quer receber dicas semanais de leitura?

Assine e receba dicas fresquinhas em seu e-mail toda semana.

Comentários

Um comentário em “Correios torna mais caro enviar livros acima de 2kg

  • 17.06.2017 a 12:33 pm
    Permalink

    Triste esta determinação p/ todos nós autores e leitores ( bons consumidores do precioso livro…), e também p/ os prezados livreiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares