Eu amo livros e adoro completar séries, sagas e coleções!

Você se sente incompleto se o último livro de uma coleção ainda não está em sua estante? Não importa se levará anos: você conta os dias para descobrir o final de uma saga? Você acompanha tudo que sai na mídia sobre o lançamento do próximo livro de sua série favorita? Ao terminar a leitura do último livro da coleção, você  sofre com o “paradoxo das sagas”: sente-se feliz por ter descoberto todo o mistério, mas triste porque a história chegou ao fim? Se você respondeu “sim” a pelo menos duas dessas perguntas, esse post foi feito para você! :)

Participe da campanha Eu Amo Livros e compartilhe sua paixão por séries, sagas e coleções.

Na literatura temos acompanhado uma proliferação de séries, o que comprova que elas têm boa aceitação junto ao público leitor. Dentre as razões que despertam todo esse interesse está a possibilidade de conviver mais tempo com os personagens e o maior número de acontecimentos e reviravoltas que tornam o desenrolar da trama muito mais imprevisível e misterioso. E por falar em mistério, nada como um bom detetive para solucioná-los, certo? Foi a perspicácia e o raciocínio dedutivo que fizeram de Sherlock Holmes o detetive mais conhecido da literatura. Sir Arthur Conan Doyle apresentou o personagem pela primeira vez na revista Beeton’s Christmas Annual, em 1887, e tamanho foi o sucesso de Holmes que ele apareceu em 60 obras do escritor: 56 contos e 4 romances. Com todas essas publicações, provavelmente você vai precisar de uma estante só para essa coleção! :P

Outro detetive não menos importante e que também ganhou grandes proporções na literatura é o personagem Hercule Poirot, da rainha do crime Agatha Christie. Poirot teve sua primeira aparição no livro O Misterioso Caso de Styles (1920) e sua personalidade nada modesta conquistou tantos fãs que suas histórias totalizam 39 romances! Quem não quer admirar uma coletânea dessas em sua estante?!

O universo fantástico também está cheio de séries. O clássico Duna, de Frank Herbert, agradou tanto os leitores que o romance recebeu mais 5 continuações, originando a série homônima que aborda temas como filosofia, psicologia, biologia, ecologia e religião. Temas esses que eram pouco explorados nas histórias de ficção científica da época.

Na mesma linha de universos fantásticos, temos a história do bruxinho que cresceu e participou da infância e da adolescência de muitos leitores. Estamos falando da saga Harry Potter, criada pela autora J. K. Rowling. A cada ano, muitos leitores esperavam ansiosos pela publicação do novo livro e hoje devem admirar suas estantes com nostalgia. A mesma saudade que sentimos do mundo criado por J. R. R. Tolkien na trilogia O Senhor dos Anéis e também em O Hobbit e Silmarillion.

E para finalizar uma lista quase interminável de séries, uma sequência de livros sobre um personagem nada convencional: Henry Chinaski – protagonista de 5 livros do “Velho Safado”, também conhecido como Charles Bukowski. Por muitos, Henry  é considerado o alter ego do autor e sua primeira aparição se deu no livro Confessions of a Man Insane Enough to Live With the Beasts (tradução literal:  “Confissões de um Homem Insano o Suficiente para Viver com as Bestas”). Como as leituras não são dependentes, é possível ler as histórias de Chinaski em qualquer ordem de publicação, começando com Factótum, por exemplo.

Sua série preferida não está aqui? Então compartilhe essa dica de leitura com a gente, comentando esse post. E compartilhe sua paixão pelas sagas, participando da nossa campanha!

*As imagens abaixo são meramente ilustrativas

Outras séries:

 

Comentários

3 comentários em “Eu amo livros e adoro completar séries, sagas e coleções!

  • 15.05.2013 a 7:07 pm
    Permalink

    Admito q me sou louca por sagas,me acostumei com histórias longas(mesmo tendo q esperar pelo fim delas), quando leio um livro comum fico sentindo falta de algo a mais que só as sagas possuem

  • 02.07.2013 a 12:14 pm
    Permalink

    Faltou as Brumas de Avalon, que além doa 4 livros clássicos também tem 2 anteriores para entender a história segundo as gerações: “A Casa da Floresta” e “A Senhora de Avalon”. Todos maravilhosos :)

  • 12.04.2014 a 7:24 pm
    Permalink

    Eu tenho muito mais trilogia e séries do q livros de volume único

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares