Vampiros: por que eles fazem tanto sucesso?

(0 Estrelas - 0 Votos)

Vampiros: porque eles fazem tanto sucessoDepois da proliferação de livros e séries de TV sobre os filhos da noite, você já deve ter se perguntado: por que vampiros fazem tanto sucesso? Pesquisamos algumas razões que você confere a seguir. E se você também curte livros sobre/com vampiros, compartilhe seu ponto de vista sobre os motivos do sucesso dessas histórias, comentando esse post.

Fascínio pelo sobrenatural

Engana-se quem acredita que a admiração pelos sugadores de sangue é algo da contemporaneidade. Entra século e sai século e o fascínio humano pelo sobrenatural é o mesmo. Presente em muitas crenças, a figura mítica do vampiro ainda não tem sua origem bem definida, mas é certo que já nas primeiras civilizações é possível encontrar relatos sobre vampirismo. No entanto, com o passar dos anos, cada cultura e cada geração atribuiu uma característica diferente e/ou suprimiu outras. Do Drácula de Bram Stoker para o Lestat de Anne Rice e o Edward de Crepúsculo, muito sangue já rolou e a literatura foi criando diferentes tipos de vampiros: de sanguinários e frios aos românticos e (se surpreenda) “vegetarianos”!

Atraentes, poderosos e imortais

O sucesso dos vampiros é tanto que tem gente que acredita ser possível tornar-se um vampiro sem nunca ter sido mordido por um! Como? Lendo livros sobre o assunto. Pelo menos é o que afirma o artigo publicado em 2011 na revista norte-americana Psychological. De acordo com os pesquisadores, ao ler livros sobre os adoradores de sangue, os leitores podem passar a se sentir parte do grupo e adotar comportamentos dos personagens, no que chamaram de assimilação coletiva de uma narrativa.

Independentemente do fato de você acreditar que pode ou não tornar-se um vampiro, é bem provável que você já tenha se interessado por alguma história que trazia esses personagens sombrios. Os motivos? Há quem acredite que os vampiros são uma forma de sair da mesmice cotidiana. A figura do vampiro está muitas vezes associada ao líder rebelde, àquele que transgride os padrões e convenções impostos pela sociedade, vontade que muitos de nós certamente já tiveram algum dia. Charlaine Harris, autora da saga As Crônicas de Sookie Stackhouse (que deu origem à serie de tv True Blood) é dessa corrente. Em entrevista à Folha de São Paulo, a escritora afirmou que o sucesso dos vampiros está atrelado ao fato de que “todo mundo está procurando por algo diferente, fora de seu círculo corriqueiro. Todos gostariam que existisse alguma coisa inexplorada, desconhecida no mundo”.

Outra característica dos vampiros que fascina as pessoas é o seu poder ilimitado. Ao se alimentar do sangue – elemento vital – de outro, os seres da noite retiram seu poder. Não é à toa que vampiros são retratados como seres com força superior à humana. Dificilmente se machucam e isso inclui dores físicas e também as emocionais. E quem de nós, mero mortais, não gostaria se nos tornássemos super homens ou super mulheres, imunes a qualquer tipo de mal e podendo exercer nosso poder de forma ilimitada? Há ainda o fator imortalidade. Alguns acreditam que nosso medo em relação à morte faria com que nos sentíssemos seduzidos pelos vampiros e a possibilidade de uma vida eterna.

Outra motivo de tal fascínio permeia o terreno da sexualidade. “Vampiros são um símbolo sexual potente, porque a ideia geral é a de que, com todos aqueles anos de experiência, eles devem ser excelentes amantes”, afirma Charlaine. Talvez por esse motivo, vampiros sejam constantemente retratados como seres fisicamente atraentes e sedutores. Mais recentemente, muitos escritores também passaram a abordar a questão do amor impossível entre vampiros e seres humanos. Próximo ao que ocorre na vida real, a temática atraiu o interesse de muita gente que já passou por amores proibidos e desilusões.

Quer ficar mais por dentro do assunto e encontrar seus próprios motivos para gostar dos seres filhos da noite? Confira nossa vitrine de livros sobre vampiros:

*Os preços não incluem frete. Os produtos e ofertas estão sujeitos à disponibilidade de estoque dos livreiros. A Estante Virtual é um portal de sebos. As imagens são meramente ilustrativas. Consulte as condições e estado de conservação dos livros.
Comentários

2 comentários em “Vampiros: por que eles fazem tanto sucesso?

  • 16.03.2013 a 7:15 pm
    Permalink

    Dá saudade do tempo em que os vampiros se limitavam a Anne Rice, Bram Stoker, ao universo do RPG e não muito mais que isso. Nesse tempo, os vampiros eram levados mais a sério. Pareciam-se mais com vampiros e menos com fadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares