Os casais e seus livros

(0 Estrelas - 0 Votos)

Hoje é Dia dos Namorados e, como objeto tão importante na vida das pessoas, o livro não poderia deixar de fazer parte das histórias de amor pelo mundo. Assim como a maioria dos casais têm suas músicas prediletas, que marcaram algum momento no relacionamento, isso também acontece com os livros de casais amantes da literatura. Fomos então em busca de alguns desses pares para saber quais livros marcaram suas relações e são celebrados com um lugar cativo na prateleira.

Dia dos NamoradosHistórias bastante curiosas envolvem os livros nos relacionamentos amorosos. Para Carla Rodrigues (23) e Bruno Volnei (25), estudantes universitários, um livro que ela estava lendo foi pretexto para a aproximação de Bruno. Quando o rapaz estava andando pelo corredor de sua faculdade, encontrou a jovem lendo “O Menino no Espelho”, de Fernando Sabino. Na hora ele pensou: “só pode ser destino”. Isso porque o livro era o preferido do rapaz, que logo abordou Carla para falar sobre a história, interrompendo sua leitura, mas entrando em sua vida. Ali se conheceram, e estão namorando há três anos graças a Fernando Sabino!

Gostos literários parecidos quase sempre funcionam como atração entre os casais. Amigos desde o Ensino Médio, a arquiteta Cristina Soares (32) e o administrador Rodrigo Mattos (32) tiveram quatro anos de amizade antes do relacionamento mais sério. O gatilho, desde sempre, foi o gosto literário dos dois. Cristina confirma: “sempre que eu pensava em comprar um livro que estava muito a fim de ler, o Rodrigo já chegava com ele de presente. Parecia que ele lia minha mente”. O livro mais marcante do casal, que ambos possuem em sua prateleira, é “Morangos Mofados”, de Caio Fernando Abreu. A paixão por esse e outros autores uniu o casal, que já está junto há 11 anos.

O professor de literatura contemporânea Marcos César (42), viajou para Paraty, no estado do Rio de Janeiro, para assistir de perto à Flip, no ano de 2009. Uma viagem solitária para imergir na literatura e esquecer da vida. Após refletir na palestra de Chico Buarque, Claudia Pereira (39), também professora universitária, resolveu puxar assunto com o deslocado Marcos sobre o tema da mesa. O assunto se prolongou e os dois estão juntos desde então. O livro? Claudia responde com um sorriso bem grande: “Budapeste, de Chico Buarque, sem dúvidas”.

Existe uma rede social americana, ainda não disponível no Brasil, para pessoas encontrarem suas almas gêmeas baseando-se em seus gostos literários. O site se chama Alikewise e a ideia é juntar pessoas cruzando dados de livros lidos que os usuários marcam em seu perfil.

Essas são apenas algumas histórias de amor, ou de livros, que marcaram casais e que vão ser lembradas neste Dia dos Namorados. E você, tem alguma história amorosa com os livros para nos contar? Comente este post e compartilhe com outros leitores apaixonados pela literatura.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares