Das praças do Rio de Janeiro para a web

(0 Estrelas - 0 Votos)
Maria Amélia Cardoso, 73 anos, cresceu rodeada de livros. Filha de historiador, viu a biblioteca de sua casa crescer cada vez mais, assim como seu amor pela literatura. Sabendo que cultivava essa paixão, os amigos de Maria Amélia sempre a presenteavam com livros e ela acabou herdeira de diversas coleções. Nos anos 80, trabalhou vendendo livros e postais na Feira de Antiguidades da Praça XV, no Centro do Rio de Janeiro, durante os finais de semana. Mas recentemente, viu na popularização da internet uma forma de expandir os negócios sem sair de casa e montou a Livraria Virtual O Tempo.

Psicanalista por formação, Maria Amélia conta que encontrou a Estante Virtual buscando biografias como a do ex-presidente francês Charles de Gaulle e a do Rei Felipe II da Espanha. Além de comercializar seu acervo, composto por cerca de quatro mil livros, ela também é cliente do site: “A Estante Virtual é o lugar certo para expandir meus propósitos como livreira. Além disso, como colecionadora e pesquisadora, encontro os livros que preciso”, diz. “Com o surgimento do comércio online, acabei substituindo a feira pela web”, diz.

Moradora de Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio, Maria Amélia tem predileção por livros históricos, autobiografias e romances. Além de ser uma leitora assídua, a livreira também é autora de um livro: sua autobiografia, chamada “As Quinze Casas”, que foi editado por ela mesma. E dois livros estão a caminho “O Caminho de Santiago – Piedosa Aventura” e “Os Reis de Portugal – Seus Atos e Consequências”. Dona de um acervo pessoal de mil publicações, ela afirma que esses não estão à venda e não têm preço: “Tenho livros raríssimos, como incunábulos (as primeiras obras impressas com tipos móveis), por exemplo. Quando eu morrer, eles serão doados para museus”, afirma. A psicanalista aposentada e livreira virtual agora tem tempo de sobra para ficar mais perto da sua paixão.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares