Detetives de livros reforçam a busca da estante

(0 Estrelas - 0 Votos)
O nome da Livros Difíceis já diz tudo. Sua especialidade é achar títulos difíceis de serem encontrados. O negócio foi criado há três anos por Patrícia Soares, quando ela decidiu fazer da sua paixão por Literatura um meio de vida.

O funcionamento do serviço é simples. Basta o cliente entrar em contato e dizer qual é o livro desejado que a Livros Difíceis se encarrega de uma busca completa para localizá-lo. Patrícia consulta então sebos, livrarias, leiloeiros e agora, é claro, a Estante Virtual. Nossa estante de livros raros é um prato cheio! Em casos muito complexos, Patrícia estende a busca inclusive a bibliotecas particulares – o atual proprietário pode se interessar em vender o livro por uma boa oferta. Uma vez encontrado o livro, ela comunica o cliente que a investigação foi encerrada com sucesso.

O acervo da Livros Difíceis não é muito numeroso, justamente porque o foco é a busca de livros. Mas conta com algumas primeiras edições de autores brasileiros, uma das preferências dos seus clientes.

Comentários

10 comentários em “Detetives de livros reforçam a busca da estante

  • 25.11.2007 a 1:58 pm
    Permalink

    Gostaria de encontrar a obra Mãe do autor Giuseppe Guiarone.
    Obrigada

  • 26.12.2006 a 11:50 am
    Permalink

    Oi,

    vocês estão melhorando cada vez mais! Um super 2007 para o Estante Virtual.
    beijão
    Marcia (irmã do Marcelo)

  • 03.12.2006 a 8:29 am
    Permalink

    Patrícia

    Estou procurando por livros esgotados:
    Entre o Cristal e a Fumaça – Henri Atlan – Ed. Jorge Zahar
    Poeira Vital – Christian De Duve – Ed. Campus
    A Simbologia do Movimento – Andre Lapierre – Ed. Artes Médicas
    O Sexo na História – Reale Tannahill – Ed. Francisco Alves
    Repressão Sexual – Jos Van Ussel – Ed. Campus
    Tratamento Comportamental dos Problemas Sexuais´- J. S. Annon – Ed. Manole
    Princípios e Práticas de Terapia sexual – S. Leiblum e I. Pervim – Ed. Zahar
    Saúde Sexual e Reprodutiva-ensinando a ensinar – Ricardo C. Cavalcanti- Ed. Artgraf

    Aguaedo seu retrono e grata pela atenção.
    Tânia Tôrres.

  • 15.11.2006 a 8:32 am
    Permalink

    Fui operado às artérias coronárias há 5 meses.Para me sentir menos angustiado,resolvi escrever um livro de que tomo a liberdade de enviar o “link”. Gostaria de ser lido e comentado.Antecipadamente grato.

    Carlos Santos(Portugal)

  • 10.10.2006 a 10:33 am
    Permalink

    Estou procurando um livro que conte a história do perfume, dê preferência que pertença a um sebo, mas principalmente que conte tudo sobre a fragância vertiver

  • 06.09.2006 a 4:07 am
    Permalink

    Estou apaixonada com o site!!! Ja divulguei no meu blog e divulgo pra todos os leitores apaixonados que conheço!!! Parabens a todo o grupo pela ideia genial!!!
    Ah, uma tia minha quer encontrar 3 livros da Agatha Christie que não acha em lugar nenhum… como faço pra entrar em contato com a livros dificieis?!?!
    Daniela

  • 01.09.2006 a 5:57 am
    Permalink

    Estou com dificuldades de encontrar o Livro “O Cardeno de Noah”
    Autor Nicholas Sparks.

  • 08.08.2006 a 10:56 am
    Permalink

    Desculpem, mas ao invés de um comentário (que só poderia ser positivo) gostaria de deixar um pedido de ajuda. Já faz algum tempo que venho tentando achar os livros de Maurice Leblanc que abordam o personagem Arsene Lupin. Esses livros são parte de minha infância e gostaria de reencontrá-los. Dá pra entender?
    De qualquer forma, parabéns pela Estante Virtual.
    Rui Gatto
    Campinas – SP

  • 30.07.2006 a 9:47 am
    Permalink

    O Brasil precisa de leitores

    Por Rodrigo Capella (*)

    Muito se tem falado que o déficit de leituras no Brasil só pode ser solucionado com um maciço investimento em alfabetização, vindo de iniciativas privadas ou públicas. Puro engano. Ensinar as pessoas a escrever os respectivos nomes não contribui para o aumento dos livros lidos.

    Precisamos, sim, de um programa baseado no conceito de letramento. Justificando: a pessoa toma gosto pela leitura somente quando entende o que está lendo e constrói mentalmente os cenários descritos, envolvendo-se com cada uma das páginas, letra a letra.

    Esse contexto, embora óbvio e essencial, está presente em menos de 10% das escolas e universidades brasileiras, segundo dados que obtive junto a profissionais dessa área. A explicação: na maioria das instituições, crianças e adolescentes são submetidos a tarefas desgastantes, principalmente a de ler livros difíceis e, posteriormente, realizar uma prova sobre a história, conflitos e personagens apresentados.

    Atividades como essa contribuem e muito para que, infelizmente, leitores traumatizados e angustiados se afastem definitivamente dos livros, por melhor que esses sejam. Fica claro, então, que a leitura, seja ela em âmbito escolar ou familiar, não deve ser obrigatória, e sim estimulada a todo instante.

    Uma alternativa é deixarmos de lado as normas existente e desenvolvermos atividades associadas ao letramento, apresentado anteriormente. O método: professores e pais criam tarefas educacionais, como por exemplo, a encenação de um trecho do livro, e mostram, para as crianças e adolescentes, que a leitura é importante para despertar a criatividade, enriquecer o vocabulário, se escrever corretamente e até mesmo construir novas amizades.
    Com essa postura, formamos leitores interessados em ultrapassar as fronteiras do conhecimento, em traçar metas ousadas e em devorar Machado de Assis, Sir. Athur Conan Doyle e as mais

    complicadas obras de Gabriel García Márquez. E o melhor: quem se apega aos livros, dificilmente consegue viver sem eles.

    (*) Escritor e poeta.

  • 30.07.2006 a 4:50 am
    Permalink

    Parabéns a toda equipe do site Estante Virtual. Que maravilha de serviço vocês estão prestando a quem não vive sem os livros. Vida longa ao Estante Virtual!!!!
    Julio Vila, de Paulista-PE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares